Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Zapping - Cristina Padiglione
Descrição de chapéu pantanal jornalismo

Globo Repórter vira aperitivo para a estreia da novela 'Pantanal'

Programa promove encontro entre as Jumas de ontem e de hoje

José Loôncio Jovem, vivido por Renato Goes - João Miguel Jr./Globo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Campinas

A estreia do remake de "Pantanal" está mexendo com as expectativas do público brasileiro, e chega em primeira mão na tela do Globo Repórter. O programa desta sexta (25) acompanha os bastidores das gravações da novela e mostra o primeiro encontro entre as Jumas da primeira versão, Cristiana Oliveira, 58, e do remake, Alanis Guillen, 23, que estreia na próxima segunda (28).

A reunião aconteceu na aldeia construída nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, onde parte das gravações está sendo realizada. Impressionada com a semelhança entre o cenário atual e o original, usado em 1990, Cristiana destaca a importância do Pantanal para o país. "O bioma Pantanal é parte da minha vida. A nova geração vai conhecer a importância desse lugar, dessa nossa riqueza. O Pantanal precisa de atenção", afirma.

O programa acompanha também a caracterização de Juliana Paes para entrar na personagem Maria Marruá, que se transforma em onça na trama. No camarim, ela conta à repórter Cláudia Gaigher que precisou abrir mão da vaidade para encarnar a mãe de Juma.

"Eu cultivei essa sobrancelha durante muitos meses", conta a atriz, que também precisou evitar grandes produções ao fazer as unhas. A maquiagem de Juliana serve para deixar sua pele cheia de manchas, marcada pelo sol. "Para mim não é nenhum desconforto, não é nenhum sacrifício. É um grande prazer sentar aqui e ver essas marcas do tempo sendo construídas, essas manchinhas sendo colocadas. Eu gosto disso", conta a atriz.

Além da rotina de gravações, o programa mostra bastidores dos períodos de folga do elenco, e acompanha Juliano Cazarré em um safari particular no Pantanal, em busca de paisagens e bons cliques. Com uma máquina fotográfica em mãos, o ator conta que aprendeu a respeitar o tempo de cada animal para conseguir o melhor registro.

"Sou fotógrafo amador. É muito bom quando você acerta o momento. Para onde você aponta tem uma foto para ser feita: ou é um bicho diferente, muitos animais grandes, ema, veado, tamanduá...", enumera o ator.

O programa mostra ainda a sinfonia entre Guito, Almir Sater e Marcos Palmeira, que tocam juntos. O músico, que é fã da trama há mais de 30 anos, conta como conseguiu entrar para a novela. "Eu treinei para ela a vida inteira, assisti cinco vezes à novela, que também fez parte da minha vida. Eu e os meus irmãos brincávamos de ser os personagens dela", afirma.

Quando soube que uma nova versão da trama estava em fase de produção, o ator estreante fez de tudo para entrar no elenco, como já contou a coluna. "Eu falei: quero fazer todos os testes possíveis porque os textos eu já sei de cor", afirma o escolhido para viver o violeiro Tibério, peão de confiança de José Leôncio, personagem de Marcos Palmeira.

O Globo Repórter vai ao ar nesta sexta-feira (25), após o BBB 22.

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem