Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui para continuar.

Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Fabio Assunção chega a 'Desalma' e diz que não acredita apenas no que vê

Série do Globoplay estreia segunda temporada nesta quinta-feira

Traian Troader (Fabio Assunção) em cena da segunda temporada de 'Desalma' André Hawk 2022/Globo

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

"Não acredito que a vida seja só o que enxergamos". A fala é do ator Fabio Assunção, 50, que se junta ao elenco de "Desalma" (Globoplay) na segunda temporada, que estreia nesta quinta (28). A sequência mostra os acontecimentos sobrenaturais da cidade fictícia de Brígida e promete ser mais sombria e potente, agora que a trama será marcada pela volta dos mortos.

Nos novos episódios, Assunção interpreta Traian Troader, um bruxo centenário "condenado à vida". Ele conta que não fez uma preparação específica para o papel por já ter uma relação aberta com o sobrenatural, embora estar em uma série de terror seja algo inédito em sua carreira. "Um personagem que carrega consigo uma magia ou sabedoria universal traz uma característica minha na relação com a vida."

O centenário volta à vida para um acerto de contas com Haia, bruxa interpretada por Cassia Kis, 64, que já estava na primeira temporada do projeto. A atriz também afirma que, apesar de não acreditar em bruxas, sua relação com o sobrenatural e temas abordados na série –como transmutação e possessão– já era natural devido a sua religião.

"O universo de Deus é sobrenatural. Fui criada no mundo católico, então pedia bênção para minha mãe e o meu pai. Quer mais sobrenatural que isso?", questiona a artista em coletiva virtual de imprensa, da qual o F5 participou. "Tenho intimidade com o tema porque tenho Deus na vida."

E a sequência pretende justamente gerar intimidade com o ocultismo e sobrenaturalidade apresentados em 2020, e os tornar mais potentes para os fãs da trama, sem deixar que vire assustador demais. "‘Desalma’ tem um sobrenatural muito elaborado e sofisticado, com uma linguagem sutil", diz Assunção. "É uma história que tem adequação, nada é muito pesado", completa Ana Paula Maia, criadora da série.

Carlos Manga Jr., diretor artístico do projeto, também acrescenta que os novos episódios vêm para criar novos questionamentos sobre a colônia ucraniana localizada no Paraná. "Por mais potente que seja a temporada, ela é uma passagem. Ela não vai te dar respostas, vai abrir perguntas", diz.

Além de Kis e Assunção, a sequência conta ainda com nomes como Cláudia Abreu, Maria Ribeiro, Camila Botelho e Malu Galli no elenco. As gravações foram feitas no sul do Brasil e também na serra fluminense e tiveram direção de Lúcio Tavares e Pablo Müller. A primeira temporada de "Desalma" está disponível também no Globoplay.

Desalma

  • Quando 28/04
  • Onde Globoplay
  • Classificação 16
  • Autor Ana Paula Maia
  • Elenco Fábio Assunção, Cassia Kis, Cláudia Abreu, Maria Ribeiro, Camila Botelho e Malu Galli
  • Direção Carlos Manga Jr., Lúcio Tavares e Pablo Müller
Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem