Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Leonardo DiCaprio foi contra cena de Meryl Streep nua em filme, diz diretor

Adam McKay deu detalhes dos bastidores do longa 'Não Olhe para Cima'

Meryl Streep com o ator Leonardo DiCaprio - Instagram/merylstreep
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Uma cena do filme "Não Olhe para Cima", que chega à Netflix em 24 de dezembro, chocou um de seus principais atores. Segundo o diretor Adam McKay, Leonardo DiCaprio não gostou de uma aparição da personagem de Meryl Streep nua, com uma tatuagem nas costas.

Em entrevista ao jornal The Guardian, publicada nesta segunda-feira (13), o cineasta foi questionado sobre o momento, e a reação da própria Meryl. "Ela é destemida. Mas sim, é uma dublê de corpo [no lugar da atriz]", contou McKay. "Sabe quem teve um problema com [a cena]? Leo [DiCaprio]."

"Leo vê a Meryl como realeza do cinema, embora realeza talvez não seja um elogio... Mas como uma figura especial na história do cinema", continuou o diretor. "Ele não gostou de ver ela com a tatuagem na parte inferior das costas, andando nua por um segundo. Ele me disse algo como, 'você realmente precisa mostrar isso?'"

Para acalmar o ator, Adam McKay argumentou: 'Eu falei, 'é a presidente Orlean [personagem de Streep no longa], não é a Meryl Streep'. E ela nem piscou. Ela nem mencionou [a cena]".

No filme satírico, a atriz de 72 anos interpreta uma presidente dos Estados Unidos que parece indiferente à ameaça de destruição total do planeta descoberta pelo personagem de DiCaprio, um professor de astronomia chamado Randall Mindy. Ele, junto a uma aluna de graduação (Jennifer Lawrence), encontram um cometa do tamanho do Monte Everest vindo em direção à Terra.

A dupla de astrônomos tem apenas seis meses para alertar as autoridades, a mídia, e quem mais possa ajudar a impedir o fim do mundo. Mas ninguém parece se importar o suficiente para isso.

Na entrevista, McKay —diretor de "A Grande Aposta" e "Vice"— falou sobre como reuniu um elenco com tantas estrelas de Hollywood (Cate Blanchett, Jonah Hill, Ariana Grande e Timothée Chalamet também estão no longa). "Eu tinha algumas pessoas que queria logo do início. Eu escrevi os papéis para Jennifer Lawrence e Rob Morgan [que interpreta um cientista da Nasa]. Eu tinha Meryl Streep em mente, mas você nunca ousa pensar que realmente vai conseguí-la. Quando ela aceitou, virou um efeito cascata."

O diretor ainda contou que foi inspirado pelas revelações do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas e outros estudos sobre a crise do clima. "Eu estava tentando encontrar uma forma de comunicar quão insano esse momento é", explicou.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem