Nerdices

BGS 2019 teve jogos inéditos e foto com ídolos por R$ 200; veja tudo o que aconteceu na feira

Evento em SP teve fim de semana lotado e recebeu personalidades do mundo gamer

Estande na Nintendo na BGS 2019
Estande na Nintendo na BGS 2019 - Instagram/BGS
 
São Paulo

​Da última quarta-feira (9) até este domingo (13), aconteceu na São Paulo Expo Center Norte a Brasil Game Show 2019, maior feira de games da América Latina. Com ingressos esgotados para o final de semana, a BGS recebeu pais e filhos aficionados pelo mundo gamer para conferir competições, lançamentos e experiências inéditas. 

Se você perdeu o evento ou não pôde comparecer a todos os dias dele, confira abaixo as principais atrações que marcaram a BGS 2019:

CONVIDADOS INTERNACIONAIS

Personalidades famosas do mundo gamer se apresentaram mais de uma vez ao longo de todos os dias da BGS 2019. Charles Martinet, o dublador do personagem Mario, foi um dos mais presentes e reforçou seu apego pelos fãs brasileiros. Também vieram John Romero, o criador dos jogos clássicos "Doom" e "Quake"DC Douglas, que dubla o vilão Wesker em "Resident Evil", Ed Boon, criador e diretor do "Mortal Kombat", Yoshinori Ono, produtor do "Street Fighter V: Arcade Edition", Al Lowe, criador de "Leisure Suit Larry" e Hidetaka Miyazaki, diretor de "Sekiro" e "Dark Souls".Todos falaram sobre suas trajetórias, novos trabalhos, impressões sobre o Brasil e dicas para os aspirantes a dubladores e desenvolvedores de games. Ainda destacaram-se os três dubladores dos protagonistas de "GTA V", Steven Ogg, Shawn Fonteno e Ned Luke, cujos agentes cobraram para eles tirarem fotos, darem autógrafos e gravarem áudios –o valor variava de R$ 85 (foto com um dos dubladores) a R$ 250 (autógrafo dos três).

GAMES INÉDITOS

Uma das atrações mais buscadas pelos visitantes da BGS 2019 foram os games inéditos que puderam ser jogados em primeira mão. Destacam-se os teste do empolgante "Final Fantasy VII Remake", que será lançado em 3 de março de 2020 para PlayStation 4, e o "Luigi's Mansion 3", previsto para o próximo dia 31. O estande PlayStation ainda trouxe dois dos jogos mais esperados para as próximas semanas: "Marvel's Avengers" e "Call of Duty: Modern Warfare". Oscar Lopez, um dos produtores de "COD", esteve no estande atendendo a fãs e falando sobre a novidade.

NOVOS PRODUTOS GAMERS

Visitantes da BGS 2019 puderam conferir novos produtos das maiores marcas do mercado gamer, e até comprar alguns desses lançamentos. Destacou-se a Acer, que trouxe a linha Predator voltada para jogadores em seu estande; e a HyperX, que apresentou seus novos acessórios para gamers: headsets, teclado, memórias e SSD.

COMPETIÇÕES

A feira recebeu diversos campeonatos amadores e profissionais para os gamers testarem suas habilidades. A Warner trouxe uma etapa do campeonato mundial de "Mortal Kombat 11" pela primeira vez na América Latina, que foi vencida pelo jogador de Bahrein, Tekken Masterbh. Já a organização da BGS armou campeonatos de "CS:GO" (feminino, vencido pela VivoKeyd, e masculino, vencido pelo paiN Gaming) e "Crossfire" (vencido pelo Vincit Gaming), além de uma qualificatória para o Major de Gears 5, com o maior telão de LED e resolução já feitos pela feira.

 

EXPERIÊNCIAS IMERSIVAS

Quem esteve na BGS 2019 pôde participar de experiências como entrar no que seria o "1º carro gamer do mundo" no estande da Dazz, com PS4 e Xbox One acoplados, além duas telas curvas e controle de áudio e luz via iPad. Os mais nostálgicos puderam tirar fotos em uma recriação da vila do Chaves (do programa que era exibido pelo SBT), e até participar de um rápido jogo de realidade virtual, em que o objetivo era montar uma das poções da Bruxa do 71.

COSPLAYERS

Os cosplayers estiveram por toda a feira, não só participando de concursos, mas parando a cada minuto para tirar fotos com visitantes. Algumas das caracterizações exigiam produções de mais de R$ 10.000, e envolviam apetrechos com LED e outras tecnologias.

MÚSICA PARA GAMERS

Ao final de todos os dias da feira, a programação foi encerrada com Shota Nakama, criador da Video Game Orchestra. O grupo se apresentou tocando clássicos dos videogames, reuniu dezenas de visitantes, e participou de encontros com fãs para fotos e conversas rápidas. 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem