Zapping - Cristina Padiglione

GloboPlay lança 1º trabalho de Ana Paula Arósio na Globo

SBT cedeu atriz à Globo para 'Hilda Furacão': lembre como foi o caso

Rodrigo Santoro fazia um seminarista que se apaixonava por uma prostituta, Hilda, vivida por Ana Paula Arósio - Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Saudade de Ana Paula Arósio? O GloboPlay promete resgatar neste mês a bela minissérie “Hilda Furacão”, de 1998, primeiro trabalho de Ana Paula Arósio na emissora, ao lado de Rodrigo Santoro, Paulo Autran e Mario Lago, só para começar.

Adaptada por Glória Perez a partir do romance de Roberto Drummond, a produção implicou um inédito empréstimo do SBT à Globo, justamente sobre o passe de Ana Paula. Na ocasião, ela ainda tinha contrato com a TV de Silvio Santos, que gentilmente cedeu ao pedido da Globo e depois a levou de volta, até que o acordo com ela expirasse, poucos meses depois.

Àquela altura, o seu destino na Globo já era certo, mas a atriz cumpriu seu compromisso com o SBT até o fim. Foi a rede de Senor Abravanel que apostou na formação de atriz da então modelo, que lá chegou em 1994 para uma breve participação em "Éramos Seis" (1994).

Dois anos depois e cursando as aulas do professor Beto Silveira financiadas pelo SBT, por iniciativa do diretor Nilton Travesso, ela fez "Razão de Viver" e, em seguida, sua primeira protagonista, no remake de "Os Ossos do Barão".

VALENDO

Pedro Bassan, que parte para a sua 7ª cobertura olímpica, e Guilherme Pereira, que estreia no evento, são os primeiros repórteres da Globo e SporTV a embarcar para Tóquio, onde os Jogos Olímpicos começam no dia 23. A Globo terá 200 horas de cobertura olímpica e o SporTV, quatro canais dedicados ao assunto.

Pedro Bassan e Guilherme Pereira - Esporte / Globo
Os repórteres Pedro Bassan e Guilherme Pereira embarcam para Tóquio para cobrir os Jogos Olímpicos pela Globo - Divulgação

TAL PAI...

Gabriel Sater, filho de Almir Sater, de forte semelhança física com o pai, é mais um nome escalado para o remake de “Pantanal” na Globo. Ele está cotado para viver Trindade, mesmo personagem de Almir em 1990. O início das gravações está previsto para este mês, mas a novela só estreará em 2022.

O ator e músico Gabriel Sater . - Karime Xavier / Folhapress - 25.jun.2015

E O SALÁRIO, Ó

A Globo vai reprisar trechos das três últimas temporadas da “Escolinha do Professor Raimundo” a partir do dia 10. O programa sucederá o Jornal Hoje aos sábados. “Meu pai sempre dizia que a ‘Escolinha’ seria um sucesso em qualquer época que fosse exibida. Então, fico feliz”, lembra Bruno Mazzeo.

AUDIÊNCIA

9 pontos
foi a média do Cidade Alerta nas duas primeiras semanas da cobertura do caso Lázaro Barbosa, um crescimento de 15% em relação à quinzena anterior na Grande São Paulo, quando somou 7,8 pontos

4,3 pontos
teve o Fala Brasil, também da Record, na primeira quinzena das buscas por Lázaro Barbosa, em junho, um progresso de 24% em relação ao mesmo período anterior, quando registrou 3,5 pontos

A BOA DO DIA

O canal Comedy Central celebra o aniversário de 38 anos de Fábio Porchat, nesta quinta (1º), com a comédia “Vai que Dá Certo”
Comedy Central, às 22h​

Da esquerda para a direita: os atores Gregório Duvivier, Fábio Porchat, Danton Mello e Felipe Abib em cena cena do filme "Vai que Dá Certo" - Divulgação

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem