Celebridades

Em entrevista, Justin Theroux diz que separação de Jennifer Aniston foi 'gentil'

Celebridades se divorciaram no começo do ano

Os atores Jennifer Aniston e Justin Theroux em cerimônia de prêmios em 2016, quando eram casados
Os atores Jennifer Aniston e Justin Theroux em cerimônia de prêmios em 2016, quando eram casados - REUTERS/Danny Moloshok

Em perfil publicado pelo jornal americano New York Times, o ator Justin Theroux, 49. disse que não há rancor entre ele e a ex-mulher, a atriz Jennifer Aniston, 49.

"A boa notícia é que foi provavelmente o mais - estou escolhendo minhas palavras com muito cuidado - foi tipo a separação mais gentil, não houve animosidade", disse o artista, conhecido por seus papeis em filmes como "Psicopata Americano", "Cidade dos Sonhos" e "Império dos Sonhos". 

Justin e Jennifer se separaram no começo de 2018, após seis anos de relacionamento. Apesar de os dois manterem boas relações, o ator afirmou que "navegar a inevitável percepção disso [separação] foi a parte exaustiva". 

"Novamente, nenhum de nós está morto, nenhum de nós está querendo jogar machadinhas um no outro", ele disse. "É mais como, é amigável. É chato, mas, você sabe, nós respeitamos um ao outro o suficiente para que fosse o menos doloroso possível". 

O casal anunciou a separação em um comunicado conjunto, após o surgimento de especulações. Eles afirmaram que eram "dois melhores amigos que decidiram seguir caminhos separados enquanto um casal, mas ansiosos por continuarem com uma prezada amizade". 

Na época, os rumores é que Justin não suportaria o ambiente hollywoodiano em que Jennifer, mais famosa por seu papel como Rachel Green no seriado "Friends", vivia. A atriz, por sua vez, não gostava muito dos meios mais artísticos e de vanguarda frequentados por Justin.

"Na verdade era pequenas coisas que aconteciam", disse Theroux. "Mas tudo pode parecer um terremoto se você faz as manchetes grandes e obscenas demais". 

No perfil, o New York Times lembra que a carreira de Justin mudou após seu relacionamento com Jennifer, e que ele teria passado a fazer filmes maiores e séries como "Maniac", do Netflix.

"Eu ainda não sei se [o relacionamento] teve um impacto criativo", disse Theroux. "Eu não sinto que tenha tido".

CASAMENTOS DE ANISTON

​Jennifer Aniston e Brad Pitt se casaram em 2000, mas o casamento deles começou a ter problemas em 2004, quando Pitt e Angelina Jolie supostamente começaram a se relacionar, durante as gravações do filme "Sr. E Sr.ª Smith". Na época, ambos negaram qualquer envolvimento, mas começaram a ser fotografados juntos nas viagens de Jolie em missões humanitárias.

Em uma entrevista para a "Vogue" em 2007, Jolie afirmou que ela e Pitt começaram a se relacionar romanticamente somente após o ator se divorciar de Aniston, em 2005. Contudo, ela contou que começou a desenvolver sentimentos por Pitt enquanto gravavam o filme.

"Por conta do filme nós acabamos nos aproximando e fazendo coisas loucas. Acho que encontramos uma amizade e parceria que acabou acontecendo. Em alguns meses, eu pensava 'Deus, mal posso esperar para chegar ao trabalho'", afirmou Jolie.

No ano seguinte, Aniston disse em sua entrevista para a "Vogue" que os comentários de Jolie foram inapropriados. "Houve histórias que aconteceram, definitivamente, em uma época que eu não sabia o que estava havendo. Dizer aquelas coisas sobre como ela mal podia esperar para chegar ao trabalho não foi nada legal."

Jolie e Pitt começaram a namorar publicamente logo após o divórcio do ator, mas se casaram apenas em 2014. O casal tem seis filhos: Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, Knox e Vivienne. Eles se divorciaram em setembro de 2016, após 11 anos juntos.

Na época, o site "TMZ" informou que Angelina entrou com o pedido de divórcio alegando diferenças irreconciliáveis — Brad teria problemas com álcool. 

Recentemente, Brad, que afirma ter parado de beber desde a separação de Angelina, começou a fazer terapia e teria pedido desculpas "por todo mal-estar causado" a sua primeira ex-mulherO ator e Aniston se casaram em 2015, em uma cerimônia realizada na sua residência em Bel-Air.

Em janeiro, Jolie e Aniston se encontraram pela segunda vez em nove anos no Globo de Ouro. Na ocasião, a ex-mulher de Pitt foi flagrada ignorando a atriz de "Friends" no palco da cerimônia.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem