Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Novelas
Descrição de chapéu pantanal twitter

'Pantanal': Juma no Rio de Janeiro e grito de Muda movimentam as redes

#Pantanal ultrapassou os 100 mil tuítes na plataforma, neste sábado (7)

Transtornada, Juma (Alanis Guillen) vai de um lado para o outro diante as grades do portão da mansão que dão para a rua. Zaquieu (Silvero Pereira) tenta trazê-la de volta pra dentro - João Miguel Júnior/Globo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Campinas

O capítulo de "Pantanal" exibido na sexta-feira (6), na Globo, está dando o que falar nas redes sociais. Neste sábado (7), a viagem de Juma (Alanis Guillen) para o Rio e a visita de Maria Marruá como onça à tapera colocou a trama de Bruno Luperi entre os assuntos mais comentados do Twitter no Brasil.

Durante a manhã, Juma alcançou 4º lugar nos assuntos em alta da plataforma, com mais de 54,9 mil menções em tuítes. Já a hashatg Pantanal, que estava com 65 mil tuítes antes do meio-dia, superou as 100 mil menções antes da publicação da matéria.

Entre as postagens, há comentários sobre o comportamento de Juma na cidade grande, frases icônicas da moça e a atuação de Alanis. "Me identifico, me identifico", escreveu uma internauta sobre Juma dizer não gostar de homem e tomar banho com Jove (Jesuita Barbosa).

"A composição perfeita da Alanis Guillen. Juma parece uma onça mesmo que em seu habitat natural ataca e amedronta qualquer um que a ameace, mas em um ambiente desconhecido fica acuada e medrosa como qualquer animal selvagem. Ela merece todos os prêmios possíveis", diz outra publicação.

Outra cena marcante desta sexta-feira foi a ida de Maria Marruá até a tapera, onde Muda (Bella Campos) estava sozinha. Com medo da onça, a moça gritou, deixando evidente que tinha voz: "Tá falando, Muda? Que cenão!".

Além da atriz, o público elogiou a trama. Um dos tuítes afirma que "Pantanal" é a melhor novela da Globo desde "Avenida Brasil" (2012). Outro deles diz que o folhetim vende uma ideia errada do Mato Grande do Sul: "O Brasil todo vai acha que nós do MS passa o dia inteiro tomando banho de rio e fazendo amor".

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem