Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Rosana Hermann

Quer entrar no túnel do tempo? Ligue sua TV no SBT

Grade da emissora de Silvio Santos é uma verdadeira viagem retrô

Silvio Santos grava programa de pijama
Silvio Santos grava programa de pijama - Lourival Ribeiro/SBT
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Se você quiser entrar numa máquina do tempo é só esperar o próximo fim de semana e ligar no SBT. Lá você vai encontrar o portal que leva direto para o passado, com escalas em diferentes décadas. E, sim, é verdade esse bilhete e eu posso provar. Comece olhando a programação do sábado, precisamente às 14h15, e se o patrão não alterar a grade de exibição, você vai poder iniciar sua viagem retrô.

É nesse horário que começa o Programa Raul Gil, que completará meio século no ano que vem. Não o Raul, o programa mesmo, que existe desde 1973. Foi nesse ano que os brasileiros puderam ver a primeira novela em cores. Sim, porque até 1972 todas as transmissões de TV eram feitas em preto e branco e assistidas em TV de tubo, cheias de válvulas.

É louvável que Raul Gil ainda esteja na ativa, trabalhando aos 84 anos, sendo que metade desse tempo ele passou no SBT. Mais impressionante ainda é o fato de o programa ter 4 horas de duração. Não é para qualquer um, precisa ter energia e muito amor pelo trabalho.

Também no sábado, às 20h30, tem a novela "Poliana Moça", adaptada por Iris Abravanel. E aqui, você pode pensar: "ah, mas Poliana Moça não é uma novela antiga, é continuação de 'As Aventuras de Poliana'", de 2018. Verdade, mas a novela já teve uma versão na TV Tupi, feita em 1958. E mais, é baseada no livro "Pollyanna Moça", escrito por Eleanor H Porter em 1915, durante a Primeira Guerra Mundial. O livro anterior, Polyanna, da mesma autora, é de 1913, um clássico da literatura infantil mundial.

A viagem temporal continua no domingo com o Domingo Legal, com Celso Portiolli, programa que completa 30 anos no próximo mês de janeiro, já que estreou em 1993. Nessa época, o celular no Brasil estava nos primórdios, ainda não havia a Internet comercial e o Google só nasceria cinco anos mais tarde, em 1998. Ou seja, é mais um programa que atravessa gerações.

Mas, calma, que a viagem para o passado vai mais longe com a maior atração da emissora do patrão, o Programa Silvio Santos, que em 2023 completará 60 anos e já entrou para o Guinness como um dos programas mais longevos do mundo. É realmente surpreendente que o programa esteja no ar desde 1963 e fazendo muito sucesso, basta dizer que no dia 8 de maio de 2022, o Programa Silvio Santos deu mais audiência que o Domingo Espetacular na TV Record e ficou em 2º lugar.

O que dizer então de A Praça é Nossa, no ar às quintas-feiras no SBT, que nasceu como Praça da Alegria em 1956? Isso mesmo, a Praça da Alegria surgiu seis anos depois da inauguração da televisão no Brasil.

Todos esses artistas veteranos, esses programas duradouros, falam muito do que o SBT representa para o brasileiro: familiaridade. É a sensação de que mesmo o mundo mudando tanto, há um refúgio onde o tempo não passa. Um lugar onde se pode buscar o alento de coisas simples e ingênuas, numa sociedade cada vez mais complexa. A nostalgia do passado deve ser a explicação do sucesso da emissora. O SBT é como se fosse sempre a nossa infância na casa da avó, onde a gente só para de brincar no quintal quando sente o cheiro do bolo de fubá saindo do forno.

Rosana Hermann

Rosana Hermann é escritora, roteirista e bloqueada pelo Boninho desde que cobriu o primeiro BBB há 20 anos.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem