Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui para continuar.

Zapping - Cristina Padiglione

Carnaval: desfiles de São Paulo perdem público na TV

Menos visto em SP que em 2020, evento ainda foi preterido pela Sapucaí na transmissão nacional

Chico Pinheiro e Michelle Barros estiveram à frente da transmissão do Carnaval de SP - Mauricio Fidalgo 2022/Globo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Realizado fora de época, o Carnaval de São Paulo perdeu audiência na transmissão da Globo, e não só por ter sido preterido na exibição em rede nacional pelos desfiles do Grupo Especial do Rio de Janeiro, realizados dessa vez nos mesmos dias de SP.

Considerando apenas a região da Grande SP, o saldo da noite de sexta (22) para sábado (23) foi de 8 pontos de média, com 35% de participação entre os televisores ligados. Em 2020, a audiência marcou 10,6 pontos de média no primeiro dia do evento, e 11,3 pontos no sábado, ante 9,3 do sábado (23) deste ano, também na Grande São Paulo.

Em relação às quatro semanas anteriores à transmissão da vez, houve crescimento de 13% na faixa da madrugada de sábado para domingo, da meia-noite às 6h, tendo sido o maior placar do horário desde agosto de 2021, quando a Globo transmitia as Olimpíadas de Tóquio.

No Rio, a transmissão iniciada na sexta (22) alcançou 16 pontos de média e 59% de participação entre as TVs ligadas, um crescimento de 7 pontos (78%) em relação ao saldo das quatro semanas anteriores no horário. E foi a maior audiência da faixa da madrugada (meia-noite às 6h) de uma sexta para um sábado desde 2000. No sábado (23), a transmissão fez 14 pontos, com 52% de participação entre as TVs ligadas na Grande Rio, um crescimento de 75% (ou 6 pontos) em relação à média da faixa calculada nas quatro semanas anteriores.

RECORDE REGIONAL

Embora a audiência do Carnaval do Rio tenha sido recorde na região em 22 anos, o espetáculo ficou sem transmissão na TV da Grande São Paulo, segmento de maior público do país. Dos 713.821 espectadores a que corresponde 1 ponto no Painel Nacional de TV mensurado pela Kantar Ibope, quase 29% estão na Grande São Paulo, onde cada ponto em 2022 equivale a 205.755 pessoas. Já 1 ponto de audiência na Grande Rio corresponde hoje a 124.692 espectadores.

Os moradores da Grande SP só puderam acompanhar os desfiles da Sapucaí, que normalmente rendem boa audiência na região, por meio do sinal do streaming no GloboPlay.

Se São Paulo ficou sem o Carnaval do Rio, a mesma ausência não ocorreu com os moradores da Grande Rio. Já faz alguns anos que o Rio não vê os desfiles de São Paulo. Às sextas e sábados, enquanto SP assiste ao Sambódromo local, o resto do país também acompanha a festa do Anhembi, mas os moradores do Rio de Janeiro ficam com a transmissão que a Globo faz, localmente, dos desfiles da Série Ouro (antigo grupo de acesso).

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem