Zapping - Cristina Padiglione

Globo estuda retomada de acordo com oscilação da curva da pandemia

Dependente dos efeitos especiais, dramaturgia ainda representa maior impasse

Regina Casé em Amor de Mãe
Regina Casé mostra bloco de capítulos de 'Amor de Mãe' que pegou na Globo antes de a quarentena começar - @reginacase no Instagram

De modo geral, a Globo mantém a proposta de trazer de volta o pessoal de bastidores no dia 13 de julho, para reabrir os estúdios duas semanas depois. Mas isso ainda é uma previsão. “Estamos trabalhando há meses com vários cenários, que nos apontam algumas possibilidades, mas sem condições ainda de definir datas”, informou a emissora, por meio de seu departamento de comunicação.

“A gente vem ajustando previsões de acordo com um acompanhamento sistemático da evolução da pandemia no país. Durante esses meses, fomos também nos adaptando à nova realidade e aprendendo outras formas de trabalhar.” Um “rigoroso Protocolo de Segurança” foi criado.

A volta da dramaturgia ainda é o maior impasse. A equipe de efeitos especiais tem mantido reuniões constantes com o pessoal da criação, para que se possa definir até onde vão os milagres da pós-produção.

EXPEDIENTE

Carolina Ferraz trouxe um bônus de sofisticação à sede da Record na Barra Funda, em São Paulo, nesta segunda-feira (29), ao chegar para gravar as primeiras chamadas que anunciam sua presença na casa. Ela estreia no dia 5 à frente do Domingo Espetacular, função que já desempenhou no Fantástico, há 28 anos.

Carolina Ferraz grava primeira chamada na Record com Eduardo Ribeiro
Carolina Ferraz grava primeira chamada na Record com Eduardo Ribeiro - Antonio Chahestian/ Record TV

REFORMA

Aliás, a Record aguarda o arrefecimento da pandemia para dar andamento às reformas de linguagem e cenografia já iniciadas nos seus noticiários, incluindo o Domingo Espetacular. A missão está a cargo de Rogério Gallo.

O MESMO BANCO

Recolhido desde o início da quarentena, Carlos Alberto de Nóbrega, 84, ficou feliz em poder gravar, ainda em sua casa, cenas em que anuncia os melhores momentos de sua A Praça É Nossa, diretamente do icônico banco do programa, instalado em seu quintal. As imagens vão ao ar a partir do dia 9.

Aliás, o banco da foto acima não é o do cenário atual da Praça, mas sim aquele que foi usado na primeira temporada do humorístico no SBT, ainda em 1987. Convém lembrar que o programa é uma herança de Manoel da Nóbrega, pai de Carlos Alberto, criado em 1956, na TV Paulista, canal onde Silvio Santos estreou na TV.

Carlos Alberto de Nóbrega
Carlos Alberto de Nóbrega, apresentador de A Praça É nossa, volta a gravar, ainda em casa, após primeiro recesso da pandemia, para o SBT - Divulgação


AUDIÊNCIA

8,7 pontos
teve o Domingo Espetacular com a despedida de Thalita Oliveira na Grande São Paulo, levando a Record à vice-liderança na concorrência com o Programa Silvio Santos

8,5 pontos
marcou Silvio Santos diante do Domingo Espetacular, em 3º lugar em SP

A BOA DO DIA
Último episódio da série "Aruanas" mostra destino das ativistas
Globo, às 22h40

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem