Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Ator de 'Power Book 3' diz que série mostra história real dos jovens negros

Novo spin-off de 'Power' estreia dia 18 de julho no canal Starz

Cena da série "Power Book 3: Raising Kanan" Divulgação

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Como grande fã de “Power” (Starz, 2014-2020), o ator MeKai Curtis, 20, se diz ansioso para que o mundo o veja como o protagonista da nova série “Power Book 3: Raising Kanan” (Starz), que mostrará o início da história de Kanan Stark. A produção é o segundo spin-off da série original e estreia em 18 de julho.

Segundo o ator, a série destaca temas como amor, apoio e a realidade da vida de muitos jovens negros, que em algum momento sempre precisarão fazer escolhas difíceis.

A trama volta aos anos 1990, mostrando a criação do personagem em Nova York, na região conhecida como Jamaica, seus amigos e conexões que o levaram ao seu destino trágico. Na série original de Courtney Kemp, Kanan Stark foi interpretado pelo rapper e produtor do projeto 50 Cent, 46.​

Curtis elogia a ambientação e caracterização da equipe responsável pelo cenário e figurino por conseguirem trazer com autenticidade os anos 90. “Foi como um sonho poder viver nesse mundo”, diz, “sempre que entrava no set parecia como uma máquina do tempo.”

O ator e músico Omar Epps, 47, diz que sentiu nostalgia ao ver o set caracterizado da década de 1990. "Lembrei de quando eu era criança e não tinha responsabilidades", conta ele, que completa dizendo que foi especial poder mostrar a cidade em que cresceu para o elenco mais jovem da série.

Epps ficou conhecido ao dar vida ao médico Eric Foreman na série "House" (2004) e agora irá interpretar o detetive Howard. Segundo o ator, seu personagem não está do lado correto da história, mas sabe manipular todos muito bem a seu favor. "Ele é como um polvo, ele tem mãos em todos os lugares."

Para o Curtis, a trama é real e fundamentada e aborda temas como família e amizades, além do tráfico de drogas, ponto focal da série. “Kanan viu sua família inteira ir para o tráfico de drogas e ter sucesso com isso, então ele quer isso também”, conta, “é o meio que está em volta dele, é o rumo natural da história.”

O artista afirma ao F5 que no novo projeto serão mostradas as escolhas severas que o personagem tomou até seu desfecho na trama original, onde Kanan morre após uma emboscada planejada por Ghost (Omari Hardwick), Tasha (Naturi Naughton) e Tariq (Michael Rainey Jr.).

Epps afirma que a trama vai apresentar o porquê de Kanan ter se "tornado um monstro", e aborda como o personagem teve sua inocência retirada dele enquanto ainda era jovem e estava "tentando descobrir o que fazer com sua vida."

FÃS VIRANDO FAMÍLIA

Curtis revela que ficou emocionado em fazer parte do elenco da série. Ele diz que poder trabalhar em um dos seus programas favoritos e conhecer pessoas que foi fã por anos, são algumas de suas partes preferidas de estar na produção.

“Agora faço parte da família, e ‘Power’ é uma família, literalmente. Tem tanto amor, suporte e [todos] sempre são gentis com tudo”, relembra, “é tão irado poder estar em algo que me inspira e estar cercado de pessoas que querem me ver vencer.”

O ator conta que um dos melhores pontos da produção é o apoio que recebe do elenco, que agora “é literalmente parte dos meus melhores amigos”. Ele diz que começaram as filmagens no final de 2020 e que, devido à pandemia, precisaram adiar um pouco a produção da série. “A jornada de filmar foi longa”, comenta.

Já para Epps, é impossível escolher algum ponto como favorito de estar na produção. "Seria como escolher um filho preferido", brinca. Ele comenta que já era fã de "Power" e reflete que a série original e o prólogo são "sobre controle", afirma, "sobre o poder das escolhas que fazemos."

Curtis relembra que o elenco todo criou um laço muito forte, e acabaram virando uma segunda família. Para o ator isso se intensificou por todos terem passado pelos protocolos de segurança da Covid-19 e pelas fases da pandemia juntos. “É algo que todos irão sentir ao nos verem em frente às câmeras.”

Além de Curtis e Epps, o elenco conta com grandes nomes como o comediante e dançarino London Brown (“Ballers”), o ator e músico Malcolm M. Mays (“O Dia Vai Chegar”), o rapper Joey Bada$$ (“Mr. Robot”) e a atriz Patina Miller ("Jogos Vorazes").

Curtis diz que, além do seu lado como fã da série, estar no projeto é extremamente para impulsionar sua carreira. Antes, ele havia atuado em filmes como “Alexandre e o Dia Terrível, Horrível, Espantoso e Horroroso” (2014) e na série “Garota Conhece o Mundo” (Disney, 2014).

“É algo totalmente novo para mim e para o que eu já fiz na minha carreira, mas é animador, porque sei que é próximo passo, é a evolução de quem eu sou como um artista e como uma pessoa”, reflete.

O ator assegura que a série não é apenas para fãs de “Power”, mas qualquer pessoa pode se interessar pela história. “Não é preciso ser um fã para assistir ‘Raising Kanan’. Estamos em um novo mundo, com novos personagens e linhas do tempo, mas tudo isso se passa no mesmo universo”, explica.

Ele afirma que o prólogo funciona como uma introdução ao universo da série original, e que isso pode despertar o interesse para que outras pessoas a assistam. “Vai ser algo muito interessante para quem assistir”.

Epps completa dizendo que muitas pessoas ao redor do mundo irão se identificar com a série, e não apenas o público dos Estados Unidos. "É uma história sobre humanidade, que mostra que nem sempre podemos escolher onde estamos quando somos mais novos."

Além de “Raising Kanan”, a série possui outro projeto derivado. “Power Book 2: Ghost” (2020) começa dias após o desfecho de “Power”, e foca em Tariq, que precisa lidar com sua nova vida, faculdade, e a missão de tirar sua mãe da prisão após ter tentado incriminar o namorado pela morte de Ghost. O spin-off foi renovado para a segunda temporada.

Curtis não esconde sua animação para a estreia da série. “Vamos arrasar e espero que todos gostem do que fizemos, todo o trabalho duro. Somos irados, e estamos chegando!”, celebra, “espero que o mundo esteja preparado para nos ver!”.

Power Book 3: Raising Kanan

  • Quando 18/07
  • Onde Starz
  • Elenco MeKai Curtis, Joey Bada$$, Omar Epps, London Brown, Malcolm M. Mays, Patina Miller
  • Produção Starz
Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem