Cinema e Séries

Tatá Werneck e Edu Sterblitch estrelam série cômica 'Shippados', em junho, no Globoplay

Personagens têm encontros românticos fracassados

Cena de "Shippados", com Eduardo Sterblitch e Tatá Werneck
Cena de "Shippados", com Eduardo Sterblitch e Tatá Werneck - Divulgação
Leonardo Volpato
São Paulo

Está marcado para o próximo dia 7 de junho a estreia da série cômica “Shippados”, exclusiva para assinantes do Globoplay. A trama é estrelada pelos atores Tatá Werneck e Edu Sterblitch e aborda o azar no amor.

Na história, Tatá interpreta Rita, uma atendente de supermercado que sonha em ganhar a vida como youtuber, mas que ainda vive às custas da mãe, Dolores (Yara de Novaes). Os fracassos nas investidas amorosas também afetam consideravelmente sua autoestima. Um certo dia, ela encontra por acaso Enzo, vivido por Edu, um nerd com mania de limpeza que tem uma coleção de encontros fracassados.

Juntos, vão redescobrir o sentido de algumas coisas na vida e viver ainda mais momentos divertidos e de azar nos aplicativos de romance. “O que surge no amor [aplicativos de relacionamento] faz parte da trama atual sem excluir o assunto que é o conflito, ciúmes, possessividade. São justamente esses recursos virtuais que são mais risíveis do que nunca. Graças a Deus, sou uma jovem senhora e não tenho acesso a essa palhaçada, porque do jeito que sou ciumenta, possessiva e agressiva, ia dar merda”, afirmou Fernanda Young, autora da série, durante painel da Comic Con.

Para Edu, os personagens são facilmente identificáveis. “Os personagens são muito autênticos, mas não conseguem se dar o direito com outras pessoas. Depois de um fracasso, eles resolvem processar o aplicativo juntos, porque os encontros deles não dão certo”, comenta Edu.

“Não é uma série de heróis, mas de anti-heróis, de pessoas fracassadas”, completa Tatá Werneck.

A série é dos mesmos criadores de “Os Normais” e conta no elenco com os atores Júlia Rabello, Luis Lobianco, Clarice Falcão e Rafael Queiroga.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias