Televisão

SBT pede desculpas por piada feita sobre Praia Grande no programa A Praça É Nossa

Retratação vai ao ar na noite desta quinta (28)

Mhel Marrer - Instagram/mhelmarrer
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O SBT e o apresentador Carlos Alberto de Nóbrega, do humorístico A Praça É Nossa, pediram desculpas a toda a população de Praia Grande pela piada feita pela comediante Mhel Marrer no programa da última quinta (21).

Em nota, a assessoria de imprensa da emissora afirmou que a retratação vai ao ar na noite desta quinta (28).

As piadas de Marrer causaram grande repercussão nas redes sociais. Na ocasião, ela chamou o município do litoral paulista de lugar "sujo" e onde "todo mundo é feio". A humorista afirma ter recebido ataques e ameaças de morte depois que o programa foi ao ar.

Na terça (26), ela publicou no Instagram, um pedido de desculpas aos moradores de Praia Grande que, segundo ela, não era destinado a políticos, mas ao povo caiçara. Nesta quinta (28), no entanto, o vídeo de desculpas não estava mais no feed da humorista.

"Carlos Alberto de Nóbrega vem, em ‘nome de todos os profissionais do humor que integram a família A Praça é Nossa, pedir sinceras desculpas para aqueles que, de algum modo, ficaram incomodados com o quadro humorístico’", afirma o SBT na nota.

Em outro trecho, a emissora diz que "todas as medidas estão sendo tomadas e que a ideia nunca foi prejudicar, ofender nem causar indignação em nenhum munícipe de Praia Grande". "Estamos cientes de todos os avanços e melhorias já realizadas nas últimas décadas e que seguem sendo feitas atualmente, assim como o quanto isso enche de orgulho e resgata a autoestima dos habitantes de Praia Grande", completa.

Segundo a emissora, Marrer segue participando da atração.

ENTENDA

Na piada que foi veiculada pela atração no dia 21, Mhel Marrer disse que "Praia Grande é uma praia do mesmo jeito que rio Tietê é um rio, agora é só para fazer necessidades lá dentro".

Em outro trecho afirmava que o mar da cidade "não tem onda, porque é muito lixo," e que lá "todo o mundo é feio".

Na terça (26), em vídeo em que se desculpou, Marrer ironizou ao relembrar uma apresentação que fez anos antes na Praia Grande, quando o público riu de uma piada que ela fez de São Vicente.

"Me desculpa, eu errei, não devia ter falado mal da cidade de vocês. Eu achei que isso era engraçado porque sempre que fiz essas piadas na Praia Grande vocês riram e aplaudiram quando eu as fazia com [a cidade de] São Vicente", publicou.

Nesta quinta (28), o vídeo de desculpas não estava mais no Instagram da humorista. Ela publicou um outro vídeo com o trecho do show feito na Praia Grande em que faz a piada sobre o município vizinho.

Por causa da grande repercussão das redes, a prefeitura de Praia Grande divulgou no domingo (24) uma nota em que repudia o que chamou de "violência verbal" sofrida pela cidade. "Válido reforçar que o município é grande incentivador da cultura e respeita todos os tipos de arte, desde que não firam ou deturpem a imagem de pessoas ou instituições", diz o comunicado.

A prefeitura afirmou que convidou a produção de A Praça É Nossa a visitar o município e conhecer a sua "bela história de superação de seu povo" para acabar com um triste estigma do passado, mostrando que hoje a cidade figura entre as mais desenvolvidas do Brasil e é "um dos destinos turísticos mais procurados do país em virtude de suas belezas e infraestrutura".

Em suas redes, a prefeitura também incentivou nesta segunda (25) os moradores e comerciantes da cidade a aderirem à campanha virtual "Orgulho de ser Praia Grande" como forma de defender e demonstrar amor pelo lugar.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem