Televisão

Murilo Benício diz que cenas de beijo vão demorar a voltar a acontecer nas novelas

Ator afirma que tomou um susto com a paralisação das gravações de 'Amor de Mãe'

0
O ator e diretor Murilo Benício, o Raul, da novela 'Amor de Mãe' - Zô Guimarães -10.jan.2020/Folhapress
São Paulo

Murilo Benício, que interpreta Raul em "Amor de Mãe", novela das nove da Globo que teve de ser interrompida por causa da pandemia do novo coronavírus, disse acreditar que as cenas de beijo vão demorar a voltar a acontecer nas produções televisivas.

Em entrevista ao programa Cinejornal do Canal Brasil, ele afirmou também que foi pego de surpresa com as paralisações da trama de Manuela Dias. “Para mim foi um susto muito grande. Para fazer a Globo parar, é uma coisa muito séria. Vamos ver quando voltar. Eu ouvi dizer 1º de agosto, depois 1º de junho, mas com alguns protocolos de segurança, talvez colocar um grupo de atores em quarentena em um hotel. É tudo que eu ouvi falar. Cena de beijo, nem pensar”.

A Globo ainda não anunciou publicamente uma data para a retomada das gravações de suas novelas. Inicialmente, a emissora se preparou para manter manter reprises de sua programação até agosto.

"Amor de Mãe” teve o último capítulo desta temporada exibido no dia 21 de março, com o atropelamento de Rita (Mariana Nunes) por Thelma (Adriana Esteves), depois que Rita vê a outra subornar o enfermeiro que daria a Lurdes (Regina Casé) pistas sobre Domênico (Chay Suede).

Na conversa com Simone Zuccolotto, Murilo disse que, mesmo na quarentena, não é muito hábil em cuidar da casa e tomar à frente dos afazeres domésticos: “Eu tenho a função de ficar reclamando! Tem um funcionário que não quis ir para casa, ele mora com a gente e está aqui. Mas eu fico reclamando com os filhos para ajudar na casa e tal. Ainda não cheguei àquele momento de cozinhar pros filhos”, revela.

Benício fala também sobre “Pérola”, seu segundo longa como diretor. Ele conta que já terminou a montagem e que as etapas de sonorização e finalização estão suspensas por enquanto.

A entrevista vai ao ar neste sábado (16), às 18h.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem