Televisão

SBT homenageia Gugu e faz reverência com vinheta especial: 'Será sempre parte da história'

Apresentador ficou quase 30 anos na emissora de Silvio Santos

Gugu Liberato no Domingo Legal na década de 1990 - SBT/Divulgação
São Paulo

O apresentador Gugu Liberato, 60, foi homenageado pelo SBT com uma vinheta especial. A emissora de Silvio Santos preparou um teaser de 12 segundos que entra nas redes sociais e na programação para agradecer pelos quase 30 anos de serviços prestados por ele. Veja mais abaixo.

Em nota, a emissora lamenta a partida de Gugu. “A família SBT lamenta profundamente a morte do apresentador Augusto Liberato, que faleceu nesta sexta-feira em decorrência de um trauma causado por um acidente doméstico em sua residência de Orlando, Estados Unidos. A emissora reforça que Gugu será sempre parte de sua história e presta sua solidariedade a todos os seus familiares, amigos e fãs”, diz a nota

MORTE DE GUGU

Gugu Liberato, 60, teve a morte anunciada nesta sexta-feira (22). Ele morreu em um hospital em Orlando, no estado americano da Flórida, onde estava internado desde quarta (20). O apresentador, que morava em um condomínio nos arredores da cidade, caiu de uma altura de quatro metros, quando fazia um reparo no ar-condicionado instalado no sótão.

Gugu foi encaminhado a um hospital Orlando Health Medical Center. Devido à gravidade de seu estado, não foi indicado qualquer procedimento cirúrgico. Durante o período de observação, foi constatada a ausência de atividade cerebral, segundo a nota de falecimento, que não especifica a data exata da morte.

"Nosso Gugu sempre viveu de maneira simples e alegre, cercado por seus familiares e extremamente dedicado aos filhos. E assim foi até o final da vida, ocorrida após um acidente caseiro", escreveu a família, em nota. Ainda não há detalhes sobre o traslado do corpo para o Brasil. 

Gugu Liberato deixa a mulher, Rose Miriam, e três filhos: João Augusto, de 17 anos, e as gêmeas Marina e Sofia.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem