Música

'Believe' de Cher é a música mais ouvida da cantora no Brasil

Artista completa 75 anos nesta quinta-feira

Cantora e atriz norte-americana Cher em cena do filme 'Burlesque' (2010), de Steve Antin - Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A cantora Cher, ícone pop e uma das maiores vozes norte-americanas, completa 75 anos nesta quinta-feira (20). A música "Believe" (1998), um de seus maiores hits, levou a cantora ao topo da para de sucessos dos Estados Unidos e foi a canção de maior sucesso de 1999, segundo a Billboard.

Em homenagem ao aniversário da cantora, o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição) fez um levantamento dos números da cantora, que em seus 60 anos de carreira acumula prêmios como Oscar, Grammy e Emmy, no Brasil.

Segundo o levantamento feito nos segmentos de Rádio, Sonorização Ambiental e Casas de Festas e Diversão, "Believe" é a música mais ouvida da cantora no país. A instituição conta que a artista tem 22 obras musicais e 567 gravações cadastradas no Ecad.

Além disso, nos últimos cinco anos 85% dos rendimentos destinados a ela vem justamente dos segmentos de Rádio, Casas de Festas e Diversão e TV. O Ecad preparou uma lista das 10 canções mais ouvidas nos últimos cinco anos no Brasil.

Posição Música Autores
1 Believe Torch / Paul Michael Barry / Higgins Brian
2 Love hurts Boudleaux Bryant
3 After all (love theme from chances are) Dean Pitchford / Snow Thomas Righter
4 I hope you find it Jeffrey Allen Steele / Robson Steven Paul
5 Just like jesse james Diane Warren / John Charles Barrett
6 Almighty definitive mix Gray Matt / Torch / Maclennan Stuart Ian / Paul Michael Barry / T Powell / Higgins Brian
7 Still Thiele (Jur) Bob / Cher / Bruce Rosen
8 Wir sind stark genug S.M.T. / Taylor Mark / Wehle Albert / Paul Michael Barry
9 It's in his kiss Clark Rudy
10 All or nothing Taylor Mark / Paul Michael Barry
Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem