Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui para continuar.

Zapping - Cristina Padiglione

Djamila Ribeiro inaugura cenário do Provoca, na TV Cultura

Marcelo Tas estreia em novo cenário com bate-papo sobre racismo, luta e afeto

Djamila Ribeiro no Provoca com Marcelo Tas
Djamila Ribeiro no Provoca com Marcelo Tas - Nathalie Bohm/Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Campinas

A temporada 2022 do Provoca estreia na tela de Cultura na próxima terça-feira (8), às 22h. Marcelo Tas estreia em novo cenário com a presença da escritora e filósofa Djamila Ribeiro, com quem conversa sobre sua atuação como feminista negra. Racismo e o papel do presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, estão na pauta.

Segundo a escritora, colunista da Folha, Sérgio Camargo representa um governo e suas políticas, "inclusive em relação à população negra", afirma.

Apesar disso, Djamila observa que o presidente da Fundação não é isento ao racismo que nega. "Estruturalmente falando, se ele estiver andando de carro na rua e um policial pará-lo e não souber quem é, ele vai ser parado", observa.

Djamila aborda ainda a importância do afeto e do cuidado entre a população negra. "Uma vez conversando com [uma mulher mais velha], ela falou: 'a geração de vocês tem que aprender a equilibrar as coisas, cuidar de vocês também, porque a gente fica nessa coisa de lutar, lutar, e não cuida das nossas próprias coisas, da saúde, do mental' (...) isso é algo que eu trato no meu último livro (...) honrá-las é também cuidar da gente", conclui a filósofa.

NOVOS ARES

Em 2022, o programa promete continuar a relacionar a alta cultura e a cultura pop, ampliando e diversificando seu time de convidados.

Nessa edição, o pacote gráfico, o cenário e as informações na tela foram modificados, buscando um visual mais claro e agradável ao público.

"Na parte editorial, o desafio é manter a diversidade de vozes que aparecem no programa. É uma enorme alegria e honra abrir a nova temporada com a filósofa Djamila Ribeiro, considerada uma das pessoas mais influentes do mundo, no Dia Internacional da Mulher", afirma Tas.

Já passaram pelo programa nomes como Fernando Henrique Cardoso, Any Gabrielly, integrante do grupo Now United , a monja Coen e Dayara Tukano, indígena da etnia Tukano (Amazonas), o cantor Odair José e o rapper Djonga. Relembre convidados de 2021.

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem