Zapping - Cristina Padiglione

Record soma investimentos para transmissão tecnológica do futebol

Emissora aposta em recursos digitais para ampliar a cobertura do Paulistão e Carioca

Elenco de cobertura esportiva do Campeonato Paulista na Record
Elenco de cobertura esportiva do Campeonato Paulista na Record - Antonio Chahestian/Divulgação Record
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Campinas

A Record está preparando uma série de novidades para a cobertura dos campeonatos estaduais de futebol que estão sob sua alçada —o Paulistão e o Campeonato Carioca​. A programação anunciada pela emissora prevê a realização de um programa de debates neste sábado (22), a transmissão da primeira partida do Paulistão no domingo (23), e a estreia do Campeonato Carioca na quarta-feira (26).

Em coletiva de imprensa realizada digitalmente na quarta-feira, representantes da equipe esportiva anunciaram as novidades da emissora, com foco em uma série de investimentos em tecnologia, citados pelo vice-presidente de jornalismo e esportes, Antonio Guerreiro.

Haverá transmissão multitelas dos momentos mais importantes dos jogos. Segundo ele, uma cobrança de escanteio, por exemplo, será vista de diversos ângulos, desde o jogador que faz a cobrança, passando pela visão do goleiro, até a reação do técnico do time, tudo ao vivo.

"Podemos esperar uma transmissão muito divertida, uma transmissão com muita garra, e, como diz o nosso slogan, uma transmissão com muita paixão", falou, prometendo se diferenciar de tudo o que o público já viu. "Com muita interatividade, com muita participação e com uma tecnologia a que até então as pessoas não estavam acostumadas".

"A gente 'tá' muito apaixonado. A cada reunião que a gente faz aqui, saímos muito entusiasmados com o que vamos mostrar", comemora. "É com muita alegria que a gente faz esse investimento nos dois maiores campeonatos estaduais do país, com as maiores torcidas reunidas na tela da Record", falou em referência aos quatro patrocinadores que fecharam contrato com emissora: Betfair, Claro, McDonald’s e Ipiranga.

OLHO NO LANCE

Aos 87 anos, Silvio Luiz estreará como narrador digital —trabalho que as décadas de carreira ainda não haviam lhe proporcionado. Primeiro a falar durante a coletiva, o locutor esportivo compartilhou sua expectativa.

"Estou me sentindo como se fosse a primeira [transmissão] da minha vida, porque vai ser uma outra maneira de transmitir o futebol. Do lado do Bola e do lado do Carioca... eu não sei como vou aparecer nesse negócio aí. Vai ser muito engraçado, porque eu nunca fiz esse troço, e estou ansioso para fazer", falou, dando o tom do que esperar.​

"Depois de mais de 50 anos, eu vou estrear na televisão", comemorou, relembrando seu primeiro trabalho como repórter da TV Paulista e seu período na Record, primeiro na reportagem e depois como narrador, ainda nos idos da família Machado de Carvalho.

O trio vai comandar um dos braços da transmissão multimídia do jogos, de forma complementar à televisão, nas plataformas digitais da emissora. Silvio Luiz fará a narração ao lado do apresentador Zé Luís, com participação dos humoristas Bola e Carioca. Eles fazem juntos um pré e pós-jogo, e o intervalo, com curiosidades, informações dos jogos e interatividade.

Márcio Canuto, que estreou na Record no último domingo (16), em aquecimento para os campeonatos estaduais, comentou sobre a decisão de voltar a trabalhar. "É o seguinte: eu estava parado, eu estava aposentado, inquieto, dentro de casa, confinado, em prisão domiciliar voluntária, até que um dia eu recebi um convite do Guerreiro", diz, enérgico.

"Cheguei aqui [reticente], mas a empolgação do pessoal era tão grande, que terminou isso também chegando a mim. Eu saí daqui dessa reunião empolgado, motivado. Vamos para arrebentar, vamos com tudo, vamos fazer uma coisa que eu estava com saudade, que era estar junto do povo, fazer de novo futebol, que é a origem de toda a minha trajetória [...] É tudo o que eu queria", falou.

Ele se junta à equipe esportiva da Record voltada à televisão aberta, como repórter. Em São Paulo, o narrador Marcos de Vargas, os comentaristas de jogo, Muller, e de arbitragem, Renato Marsiglia, o apresentador Fred Ring foram contratados para atuar nas transmissões de TV.

No Rio de Janeiro, reforçam o time os comentaristas de arbitragem Guttemberg Fonseca e de jogo Athirson. Eles se juntam à equipe da emissora, que já contava com os repórteres Lilly Nascimento, Bruno Piccinato, Jean Brandão, Rodrigo Hinkel e Roberto Thome. No Rio, o narrador Lucas Pereira, a apresentadora Mylena Ciribelli, e os repórteres Aline Pacheco, Bruna Dealtry, Marcos Carvalho e Fábio Peixoto já estavam no elenco.

Para criar um engajamento com o público, a emissora terá um programa semanal dedicado aos esportes e um diário na Record News, um novo quadro no Domingo Espetacular, cobertura nos jornalísticos da grade e novos produtos nas plataformas digitais do Grupo Record, o R7.com e PlayPlus, como um videocast.

Os sábados voltam a contar com um programa relacionado ao tema, o Esporte Record, que vai ao ar entre 10h30 e 12h, e prepara o público para a estreia dos campeonatos Paulista e Carioca. Neste domingo (23/01) entram em campo os times de São Paulo, às 16h. E na quarta (26/01), é a vez das equipes do Rio de Janeiro estrearem, às 21h30.

Saiba onde ver os principais campeonatos de futebol em 2022.

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem