Aventura na cozinha

Bacalhau com natas é simples de fazer e perfeito para o almoço da Sexta-Feira Santa

Tradição pede que não coma carne vermelha ou frango no feriado

Bacalhau com natas
Bacalhau com natas - Juliana Ventura

Olá, cozinheiros! Bem-vindos a mais uma aventura na cozinha! Não há momento mais propício do que o feriado da Páscoa para comer bacalhau. Impulsionado pela proibição cristã de comer carne vermelha ou de frango na Sexta-Feira Santa e, também, pela influência portuguesa em nossa gastronomia, o peixe é presença certa em muitas mesas. Branca, firme e de lascas grandes, a carne de bacalhau é característica e, embora muitos torçam o nariz e tentem provar o contrário, tem sabor suave.

Talvez o jeito mais fácil de preparar o prato seja assando o peixe com batatas, cebolas, pimentões, azeitonas pretas e muito azeite, mas, definitivamente, esse não é o prato que agrada mais. Comprovei empiricamente, nas minhas reuniões familiares, que a única versão que até quem não gosta do peixe devora é o bacalhau com natas. Sempre um grande sucesso de público e crítica. E a melhor parte: muito fácil de fazer.

Prefiro usar o lombo de bacalhau dessalgado, vendido congelado. Se não encontrar ou preferir a versão salgada, é importantíssimo seguir à risca o processo de dessalga antes de começar a preparação. Em geral, as postas salgadas de bacalhau devem ficar em água, na geladeira, por cerca de 24 horas, com troca de água a cada seis horas, aproximadamente. Isso é fundamental. Um bacalhau que não foi dessalgado corretamente vai, certamente, arruinar toda a sua receita.

O prato é simples e leva poucos ingredientes, mas é preciso atenção a eles. O creme de leite usado deve ser o fresco, e não o enlatado. Na falta dele, use aquele que vem em caixinha. Quanto ao queijo para gratinar, já testei alguns tipos e acredito que o gruyère seja a melhor opção. Muçarela, contudo, pode funcionar como substituição. Vamos para a cozinha? Até a próxima!


DICA DA SEMANA

Recém-lançado, o livro "Cozinhando com Economia - Cardápios, Receitas e Listas para as Quatro Estações do Ano" (ed. Senac São Paulo, R$ 90) pode ser precioso para quem está começando a explorar a cozinha e quer ideias. Na obra, Zenir Dalla Costa e Cláudia Moraes mostram cardápios usando ingredientes das quatro estações do ano e ainda ajudam com lista de compras e dicas de aproveitamento.


RECEITA

Dificuldade: Fácil
Rendimento: 8 porções

Ingredientes

1 kg de lombo de bacalhau dessalgado
5 batatas médias
1 cebola
1/4 de xícara de azeite de oliva
500 ml de creme de leite fresco
300 g de queijo tipo gruyère
1 xícara de salsinha picada
Sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de fazer

1. Cozinhe o lombo do bacalhau em fogo brando por cerca de 20 minutos.
2. Retire da água e desfaça o peixe em lascas. Reserve.
3. Em uma panela grande, aqueça o azeite e refogue a cebola bem picada.
4. Adicione o bacalhau e as batatas cortadas em cubos de 2 cm x 2 cm aproximadamente e previamente cozidas.
5. Coloque o creme de leite, mexa bem e cozinhe por cerca de dez minutos, misturando eventualmente.
6. Acerte o sal e a pimenta e adicione a salsinha picada.
7. Despeje o creme em um refratário e cubra com o queijo ralado grosso.
8. Asse em forno médio até gratinar.

(A)ventura na cozinha

Juliana Ventura, 35, é jornalista formada pela PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), pós-graduada em gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi e professora de culinária para crianças.
email: aventuranacozinha@grupofolha.com.br
Instagram: @venturanacozinha

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias