Celebridades

Jim Carrey é acusado de assediar repórter durante entrevista

Atitude do ator desagradou internautas e foi questionada no Twitter

O ator Jim Carrey
O ator Jim Carrey - Robyn Beck / AFP
São Paulo

Jim Carrey, 58, está sendo acusado de assediar uma repórter após dizer à jovem, durante uma entrevista publicada nesta quarta-feira (12), que ela era a única coisa que restava alcançar em sua lista de desejos.

O momento aconteceu quando o ator falava à jornalista Charlotte Long sobre sua carreira e seu papel no filme "Sonic". “No filme, Sonic tem uma lista de desejos. Fiquei pensando: depois de tudo o que você fez em sua carreira e na sua vida, ainda resta alguma coisa na sua lista de desejos?", questiona Long, que publicou o vídeo da entrevista no YouTube. "Só você", responde Carrey.

"Uau. Eu não sei o que dizer sobre isso", diz Long. "Apenas aceite", diz Carrey. Long insiste na pergunta, e o ator diz que já quis ganhar US$ 10 milhões (R$ 43,3 milhões), mas que isso já foi alcançado.

A cena desagradou os internautas, e não demorou para que os usuários do Twitter comentassem sobre a atitude de Carey, considera pela maioria deles como machista. 

"Isso é realmente inaceitável, desejo e espero que ele peça desculpas a você. Mas você lidou com isso muito bem", escreveu um internauta, em resposta à jornalista.

Outros internautas, no entanto, não viram nada de mais na atitude do ator. "Não há nada errado com um pouco de flerte", disse um.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem