Celebridades

Após polêmica entre Fernanda Lima e Silvio Santos, atrizes declaram apoio à apresentadora 

Camila Pitanga, 40, e Letícia Sabatella, 46, usaram o Instagram para elogiar Fernanda Lima, 40, e declarar apoio à apresentadora, que se envolveu recentemente em uma polêmica com Silvio Santos, 86, e Patrícia Abravanel, 39, filha dele.

No início de julho, Silvio comentou em seu programa um vídeo no qual Fernanda Lima aparecia. "Com essas pernas finas e essa cara de gripe, ela não teria nem amor nem sexo", afirmou ele.

Logo depois, Fernanda Lima, em entrevista ao "Pânico na Band", rebateu o dono do SBT: "Acho que o Silvio é o maior comunicador vivo brasileiro, mas, nesse quesito, eu perguntaria 'Silvio, por que não te calas?'", disse a artista.

Silvio retrucou, em seu programa: "Não me calo mais", disse ele.

Dias depois, a escritora Milly Lacombe comentou o desentendimento dos dois na seção Tendências e Debates da Folha.

Nesta segunda (21), Lima publicou, em seu Instagram, uma foto do texto de Milly. "É o machismo vestido de piada, jogado ao ar como as notas de R$ 50 que ele oferece à plateia", escreveu a autora, no texto intitulado "Ajuda a gente, Silvio"

No mesmo dia, circulou pela internet que Patrícia Abravanel teria atacado Fernanda em uma rede social e apagado logo depois. "Qual sua intenção? Quer aparecer? Tudo é um mimimi, mais leveza", teria publicado a filha de Silvio. 

Nesta quinta (24), atrizes defenderam Fernanda Lima nas redes sociais.  

"A gente constrói um mundo melhor com boas ideias e com boas ações", escreveu Camila Pitanga no Instagram, junto de uma foto de Fernanda Lima. 

"É muito bom ligar a TV e te ver sendo sensata, responsável, divertida, leve, mas nunca superficial. Precisamos da representatividade em todos os meios de comunicação: digitais, visuais, escritos, todos. Você construiu um espaço em que o negro, o gay, a trans, a travesti, a lésbica, a mulher de todos os tipos têm voz e acolhimento e esse mérito é seu", completou.

Coincidência ou não, poucas horas depois, Letícia Sabatella fez o mesmo. "Fernanda é uma revolução no ramo de apresentadores de televisão. É mais que carisma, beleza e talento. Fala o que não pode mais ser calado. Fernanda me representa!", escreveu no Instagram. 

Alice Wegmann, 21, que esteve na novela "A Lei do Amor" (2016) e na temporada de 2015 de "Malhação" também se manifestou: "Fernanda me representa porque fez do seu espaço um espaço de gente que não tinha voz". 

Wegmann ainda cutucou Patrícia Abravanel, reproduzindo parte do que a apresentadora do SBT teria dito sobre Fernanda. "'Quer aparecer?', apareça, por favor. De preferência na minha casa, para tomar um chá e falar sobre coisas relevantes, ou então na minha televisão, para continuar me representando."

O texto de Camila Pitanga foi repostado no Instagram por Taís Araújo e Fabiula Nascimento. A atitude lembra o movimento "mexeu com uma, mexeu com todas", quando atrizes da Globo usaram camisetas com a frase, em repudio ao caso de assédio denunciado pela figurinista Susllem Tonani e envolvendo o ator José Mayer.


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem