Televisão

Datena se emociona ao mostrar neve caindo no Brasil: 'Parece a Suíça'

Apresentador disse que nunca tinha visto isso ao vivo na TV brasileira

Datena no Brasil Urgente - Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

José Luiz Datena, 64, se emocionou nesta quarta-feira (28) ao mostrar imagens da neve caindo na cidade de São Francisco de Paula, na serra gaúcha. O apresentador do Brasil Urgente (Band) entrou com um link ao vivo da cidade, onde os termômetros marcaram 1ºC no começo da noite.

"Nós estamos transmitindo neve caindo", narrou. "Olha lá, pelo poste você vê, pela luz acesa. Neve caindo em São Francisco de Paula, ao vivo, e parece que está aumentando. A neve vai aumentando, eu nunca vi uma coisa dessas. Isso é uma transmissão ao vivo! Eu estou aqui emocionado, estou parecendo um menino aqui."

"Que coisa impressionante!", continuou. "Nós fomos brindados por essa imagem que eu nunca vi na televisão brasileira."

Ele continuou demonstrando sua surpresa com o fenômeno meteorológico. "Isso é neve, pô!", disse. "Eu estou emocionado, nunca vi isso. Estou falando sério. Mesmo porque não tem porque dizer que estou emocionado se eu não estou, na dúvida eu falo sempre a verdade."

À medida que a neve aumentava, a narração se tornava cada vez mais exaltada. "É muita neve, parece que nós estamos numa cidade da Suíça!", comparou. "Claro que os estados do sul têm climas mais frescos, mais frios, mas eu nunca vi isso aí. Ao vivo não. É a primeira vez na televisão brasileira que nós estamos vendo a neve caindo ao vivo assim."

O repórter que estava no local também relatou que nunca tinha visto tanta neve. "Eu nunca tinha presenciado uma situação como essa", disse. "Está todo mundo emocionado. As pessoas estão saindo para a rua, gritando, é realmente um momento histórico que nós estamos presenciando aqui."

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem