Televisão

Fernanda Gentil pode ter programa com Érico Brás nas tardes da Globo

Atração deve estrear em setembro ou outubro

Fernanda Gentil
Fernanda Gentil - Marcus Leoni/Folhapress
São Paulo

O esperado programa de Fernanda Gentil deverá ser exibido nas tardes da Globo, e a jornalista pode ter a companhia do ator Érico Brás, 39, na apresentação. A informação foi divulgada pelo UOL, mas não é confirmada pela emissora.

Segundo reportagem do site, a atração deve estrear entre setembro e outubro deste ano. Procurada, a Globo disse que existem "projetos em discussão [para o programa de Gentil], mas não há nada definido". 

Já a assessoria de Brás negou que ele tenha sido convidado pela Globo. "[O ator] segue focado em seus projetos, como o musical 'O Frenético Dancin Days', que vem percorrendo diversas cidades pelo país, e nega ter sido chamado para novos projetos na TV Globo", informou. 

Gentil deixou o jornalismo esportivo da Globo em dezembro de 2018 com a promessa de comandar um programa de entretenimento na emissora. Inicialmente, a previsão era que a atração fosse ao ar ainda no primeiro semestre deste ano, mas o projeto acabou adiado.  ​

Em entrevista ao F5 em maio, a jornalista se mostrou incomodada com as notícias que circularam na mídia que de que ela estaria na "geladeira" na TV. "Como qualquer projeto grande, sofre alterações. Prazos caem, projetos mudam e planos se alteram", disse. Na ocasião, a jornalista deu algumas pistas dos conceitos que vão nortear a atração: humanidade, leveza e alto astral.

"É quase como um carinho no telespectador. Eu bato muito nessa tecla: nós estamos em um ano muito difícil, já aconteceram coisas muito pesadas e tristes. Queremos passar uma mensagem leve, para cima, animada", contou.

Além da atração na Globo, Gentil também investe em outros projetos artísticos. Ela poderá ser vista nas telas dos cinemas a partir de outubro, no filme adolescente  “Ela Disse, Ele Disse”  como a mãe da protagonista Rosa, papel da atriz Duda Matte.

E a apresentadora viaja pelo país com a peça "Sem Cerimônia", escrita e protagonizada por ela. Segundo Gentil, trata-se de uma conversa com o público na qual ela também propõe reflexões. "Falo muito de respeito, conto toda a minha vida, pessoal e profissional, falo de fake news. Tudo com humor, leveza e dinâmica com o público. E há momentos para dar uma sacudida também, não é só risinho, não."

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias