Televisão

Alice Wegmann fará muçulmana estilosa e tatuada em 'Órfãos da Terra': 'Vilã de mão cheia'

Atriz descreve a personagem como fria, calculista e manipuladora

Dalila (Alice Wegmann)
Cris Veronez
Rio de Janeiro

Alice Wegmann, 23, promete levar uma versão moderna das mulheres muçulmanas para a novela “Órfãos da Terra”, que estreia no próximo dia 2 na Globo. Ela dará vida a Dalila, a vilã da trama, mostrando tatuagem e figurino inspirados em blogueiras muçulmanas. 

Filha do sheik Aziz Abdallah (Herson Capri), a moça abusará das roupas e acessórios caríssimos em seu dia a dia, além de expor uma tatuagem, escolhida para dar um toque de modernidade à personagem, que vai se dividir entre Londres, onde estuda, e o Líbano, onde mora sua família.

“A gente coloca e tira a tatuagem todo dia. É de henna. Na parte de cima, ela significa vida. Na de baixo, fogo. Queríamos um visual bem descolado, moderno”, disse a atriz, que aprovou os looks da vilã: “Eu e Dalila usamos coisas muito parecidas. Adoro usar gola rolê preta.”

As cores que vão compor o visual de Dalila são sóbrias, com, além do preto, e alguns elementos em vermelho ou azul. “Quando abri a porta do camarim para a prova de figurino, vi que eles eram exatamente nas cores que eu estava pensando. Foi muito legal. Uma conexão. Estava tudo bem alinhado.”

“DÁ PRA SE IDENTIFICAR”

Por baixo de todo o look elegante e moderno, Wegmann afirma que Dalila é uma “vilã de mão cheia”. Apesar disso, a atriz diz acreditar que o público vai se identificar bastante com a personagem. 

“Dalila vai passar por situações muito difíceis e o público vai se sensibilizar com o sofrimento dela diante dessas questões. Dá para se identificar com ela em algum lugar. É uma pessoa muito múltipla. Acho que todas as pessoas do mundo são. Ninguém é só uma coisa. Então, ela não é só má.”

Segundo a atriz, Dalila tem características do pai: fria, calculista e manipuladora. “Ela é a primeira filha dele e acho que tinha uma certa expectativa do Aziz de ter um filho homem. Ela assumiu um papel de poder entre as outras mulheres da casa. É a filha favorita e isso acarreta uma responsabilidade. Dalila usufrui disso da pior maneira possível, manipulando próprio pai e suas mulheres para conseguir o que quer.”

Apaixonada por Jamil (Renato Góes) desde a infância, Dalila lutará para atingir o objetivo de se casar com o amado. “[As vilanias dela são] em nome do amor, em nome do poder, do autoritarismo, da religião e da cultura dela, de como ela aprendeu a viver. Eu acho que é em nome de muita coisa, na verdade. É a forma como ela foi educada, como ela cresceu. Não é só pelo amor que ela sente pelo Jamil. Existem muitas outras questões.”

 

DE VENTO EM POPA

Wegmann se tornou um das apostas da Globo em 2018. Na pele de Maria, protagonista da série “Onde Nascem os Fortes”, a atriz foi aclamada pelo público e pela crítica. Quando foi convidada para ser a antagonista de “Órfãos da Terra”, ela já estava cotada para outro folhetim, do qual declinou.

“O propósito desta novela foi o que mais me aproximou daqui, mais ainda do que o fato de fazer uma vilã. A novela é muito humana, fala de relações, emoções e sentimentos que estão aí. De cara, pensei: será que tem a ver eu fazer uma muçulmana? Depois, fui entender o quanto o Líbano é um país diverso, o quanto a cultura árabe é gigante e depois de um certo estudo, tive certeza de que eu queria fazer.”


 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias