Música

Alejandro Sanz e Marina Ruy Barbosa cantam ao lado do Rei no especial de fim de ano

Roberto Carlos se emocionou ao fazer dueto com o filho Dudu Braga

"Fiquei emocionada quando ele me ligou", diz Marina Ruy Barbosa após ensaio com Roberto Carlos. Em meio à maratona de gravações da novela "O sétimo Guardião"
"Fiquei emocionada quando ele me ligou", diz Marina Ruy Barbosa após ensaio com Roberto Carlos. Em meio à maratona de gravações da novela "O sétimo Guardião" - Divulgação/TV Globo

Fabiana Schiavon
Rio de Janeiro

"Estou fingindo costume, mas não fiquem com a expectativa alta, por favor", brincou a atriz Marina Ruy Barbosa antes de subir ao palco com Roberto Carlos para a gravação de ‘Roberto Carlos: Muito Romântico’, nome dado a seu especial de fim de ano, que será exibido dia 21 de dezembro. A atriz diz que foram poucas as vezes que enfrentou plateias, mas não tinha como negar convite.

A apresentação foi registrada na noite deste terça-feira (4), no Rio de Janeiro. Também foram convidados a cantora Zizi Possi, a banda RC na Veia —de Dudu Braga, filho de Roberto—, e o cantor espanhol Alejandro Sanz.

Antes mesmo da gravação, Marina disse que não precisaria se preocupar com o momento, já que ela não é cantora profissional. A atriz fez um dueto com Roberto na música “Na Paz de Seu Sorriso”. Na sequência, o Rei brincou com o papel dela na novela “O Sétimo Guardião”, como Luz, e disse que ela era a “moça que conversa com o gato”, dando clima para a próxima música, “Negro Gato”.  

Houve quem achasse que as frases do Rei tivessem causado algum constrangimento na atriz, mas ela mesma revelou nas redes sociais que não tinha nada a ver e que não houve nenhuma "cantada".

O primeiro convidado a ser chamado ao palco foi o músico sertanejo Michel Teló. Os dois cantaram "Caminhoneiro", de Roberto Carlos, e sucesso de Teló, "Humilde Residência". A escolha das músicas foi do sertanejo, e o Rei topou sem hesitar. 

Teló subiu no palco com sua sanfona e fez solos com o instrumento que levantaram o público. "Se eu te conhecesse antes, você tinha gravado essa sanfona na minha música", brincou Roberto Carlos, elogiando o talento de Teló. Essa foi a segunda vez que o sertanejo participou do Especial. A primeira foi em 2012, quando ele estourou com a música “Ai Se Eu te Pego”. 

O espanhol Alejandro Sanz foi a presença internacional do especial. O cantor que vai completar 50 anos no próximo dia 18,  lançou recentemente com Roberto Carlos o single "Esa Mujer", todo em espanhol. Os dois cantaram essa música em dueto. Sanz também apresentou ao vivo, pela primeira vez, sua nova música “No Tengo Nada!”.

Ao lado de Zizi Possi, Roberto Carlos fez um dueto do maior sucesso da cantora. “A Paz” e uma canção clássica italiana “Non ti Scordar di me”, acompanhados de um coral. 

O show ficou mais rock n’roll  com a banda RC na Veia, de Dudu Braga, filho de Roberto Carlos. Dudu levou para o especial parte de seu último trabalho que traz uma versão ainda mais roqueira de sucessos do Rei da Jovem Guarda, como "Quando", "Lobo mal", "Proibido Fumar" e "Eu sou Terrível". “Gravamos esse disco com o Andreas Kisser, do Sepultura, então podemos dizer que levamos bastante peso para o palco”, brinca Dudu.  

Ao longo do show, Roberto cantou sucessos como "Detalhes", “Eu Voltei”,  ‘Se você pensa’ e ‘Como dois e dois’   e terminou com uma mensagem de paz: “Todos Estão Surdos”. O especial será exibido no dia 21 dezembro, na Globo, depois da novela das nove.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem