Tony Goes

BBB 21: Kerline sai sem ter dito a que veio, mas a vilã da casa ainda é Karol Conká

Mudança brusca de atitude da cantora levanta dúvidas sobre a lisura do jogo

Kerline é a primeira eliminada do BBB 21
Kerline é a primeira eliminada do BBB 21 - Wallace Carvalho-3.fev.2021/Gshow
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Pobre Kerline. A cearense entrou no Big Brother Brasil com a esperança de, no mínimo, ganhar o suficiente para pagar a dívida de R$ 50 mil que tem com seu cunhado. Deu o azar de ser a primeira eliminada, depois de se envolver na primeiríssima treta da temporada.

Kerline fingiu para Lucas Penteado que estava a fim dele. O ator acreditou, e ficou magoadíssimo quando descobriu que não era verdade. Reclamou quase um dia inteiro sem parar, num discurso que foi do macho machucado em sua autoestima ao peso de 500 anos de opressão dos negros pelos brancos.

Lucas logo se indispôs com o resto da casa, e tirou Kerline de sua linha de tiro. Mas, para parte do público, a pecha de vilã grudou na modelo e influenciadora. Kerline foi defenestrada na noite desta terça (2) com impressionantes 83,5% dos votos do público, uma das mais altas taxas de rejeição da história do reality.

Mas há um detalhe que passou meio batido: o primeiro paredão do BBB 21 atraiu pouco mais de 29 milhões de votos. Uma ninharia, ainda mais para um programa que entrou para o Guinness Book of Records com a marca impressionante de 1,5 bilhão de votos –quase oito vezes a população brasileira– no histórico confronto entre Felipe Prior, Manu Gavassi e Mari Gonzalez, em 2020.

Isto quer dizer que a audiência não se sentiu muito mobilizada nesta primeira rodada. Os emparedados Kerline, Rodolffo e Sarah caíram lá quase que por acaso, pois nada menos que 8 dos 20 participantes estavam imunizados. Ainda assim, Tiago Leifert fez um discurso de despedida especialmente cruel.

Enquanto isso, a verdadeira vilã desses primeiros dias, a rapper Karol Conká, não recebeu um único voto de seus pares, alheios que estão às reações do lado de fora. Mal sabem eles que ela foi apelidada nas redes sociais de Jaque Patombá, um trocadilho com o refrão de "Tombei", seu maior sucesso até hoje.

Karol Conká exagerou na militância. Pegou pesadíssimo com Lucas. Expulsou-o da mesa do almoço, xingou-o de tudo quanto é nome. A internet, que antes se voltava contra o ator, rapidamente mudou de lado. Houve até panelaço na porta dos Estúdios Globo no Rio de Janeiro, exigindo a expulsão sumária da cantora.

A participação pré-gravada de Karol em um festival online foi cancelada. O canal GNT adiou indefinidamente a estreia do programa “Prazer Feminino”, que ela apresenta ao lado da ex-BBB 20 Marcela Gowan. No Instagram, a paranaense perdeu milhares de seguidores.

Até que algo estranho aconteceu. Chamada ao confessionário na tarde desta terça-feira (2) para, supostamente, trocar o microfone, Karol saiu de lá mudada. Correu a pedir desculpas para Lucas, e prometeu que pegaria mais leve. Foi tão esquisito que, nas redes, houve quem brincasse que a verdadeira Karol teria sido trocada por sua gêmea do bem, Carol Concê.

Os internautas não perdoaram. Muita gente já havia percebido que Karol Conká anda sendo poupada na edição noturna do programa, que vai ao ar diariamente pela Globo. Na transmissão 24 horas do Globoplay, sem filtros nem cortes, Karol se mostrou uma pessoa muito mais injusta e abusiva do que na TV aberta.

Some-se a isto a súbita mudança de atitude depois de uma passada pelo confessionário, e é bastante plausível que a cantora esteja sendo protegida pela produção do programa. Toda a lisura do processo está sendo questionada, e com razão. Pois o BBB é como a mulher de César: não basta ser honesto, tem que parecer honesto.

A Globo teria interesse em manter por um certo tempo uma estrela desse calibre no elenco do BBB? Será que existe alguma cláusula no contrato de Karol, exigindo que ela permaneça na competição por um número mínimo de semanas? Ou agora a cantora será despachada para o sacrifício, para saciar o desejo de vingança de boa parte da audiência?

Foi uma primeira semana conturbada para o reality, e não de todo positiva. Os bons resultados de audiência e repercussão não escondem o baixo astral que emana da casa mais vigiada do Brasil. Tão aguardado pelos espectadores, o BBB 21 pode se revelar um mico. Aguardemos.

Tony Goes

Tony Goes tem 60 anos. Nasceu no Rio de Janeiro, mas vive em São Paulo desde pequeno. Já escreveu para várias séries de humor e programas de variedades, além de alguns longas-metragens. E atualiza diariamente o blog que leva seu nome: tonygoes.com.br

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem