Publicidade

"Às vezes o óbvio é mais eficiente", ensina Roberto Justus em "Aprendiz, o Retorno"

23/10/2013 - 09h09

Publicidade

O objetivo das equipes Flecha e Sinergia na prova desta terça-feira (22) era divulgar a novela "Pecado Mortal" (Record), de Carlos Lombardi.

A equipe Sinergia não hesitou em apelar para o óbvio: levar um dos astros da novela para uma tarde de autógrafos em um grande shopping da cidade. O escolhido foi o ator Iran Malfitano, o Pedro Noronha de "Pecado Mortal", que teve muito trabalho tirando fotos com fãs e crianças, conquistando um ótimo resultado para a equipe.

Já a concorrente, a equipe Flecha, não quis ir pelo caminho aparentemente mais fácil e optou por uma ideia criativa lançada pela candidata Maytê Carvalho: levar outro ator da trama para um centro de eventos nordestinos e apresentá-lo como atração surpresa em meio a uma coreografia. Não funcionou. Ninguém prestou muita atenção nem na dança nem no ator Claudio Heinrich (Paulo Noronha, primo de Pedro). "Às vezes o óbvio é o mais eficiente. Senti vergonha alheia da prova de vocês", declarou Roberto Justus na sala de reunião.

A equipe Sinergia, por ter vencido mais esta prova, ganhou o direito de assistir ao show da cantora Beyoncé em camarote privê. A líder Renata Tolentino escolheu o colega Evandro Banzato como o que melhor se saiu nas suas funções, e ele lhe retribuiu a gentileza oferecendo-lhe a oportunidade de acompanhá-lo no jantar que ganhou como prêmio. E fez questão de mandar um recado para a esposa: "São só negócios!".

Na "disputa" pela demissão, ficaram a líder Mariana Marinho, Maytê Carvalho e Braga Júnior. Justus livrou Mariana rapidamente, e a candidata saiu da sala suspirando aliviada. Maytê Carvalho levou uma grande bronca que a fez chorar. "Você não sabe escutar", alertou-a o consultor do Sebrae Renato Santos.

Mesmo assim, entre o excesso de iniciativa de Maytê e uma aparente apatia de Braga, Justus optou por demitir o rapaz. "O Braga é um empresário que fatura alguns milhões por mês. Eu não conseguia entender porquê ele estava no Aprendiz", confidenciaria Roberto Justus logo depois de demiti-lo.

"Eu achei injusto", disse Braga Júnior já fora do reality. "É difícil enfrentar a Maytê numa sala de reunião. Mas o Braga é um grande sonhador e ainda tem muita coisa para fazer nesta vida", declarou o quarto candidato demitido de "Aprendiz, o Retorno".

Renato Kramer

Natural de Porto Alegre, Renato Kramer formou-se em Estudos Sociais pela PUC/RS. Começou a fazer teatro ainda no sul. Veio para São Paulo e ingressou na Escola de Arte Dramática (USP), formando-se ator. Escreveu, dirigiu e atuou em diversos espetáculos teatrais. Fez algumas colaborações para a Ilustrada e, sempre a convite, assinou a coluna Antena, da "Contigo". Nesse meio tempo, fez crítica de teatro para o "Jornal da Tarde" e na rádio Eldorado AM. Mais recentemente foi colunista da Folha.com, comentando o BBB11. Atualmente, além de atuar, cursa Filosofia.

  • Últimas notícias 
  •  

Publicidade

Publicidade

gostou? leia também

  •  

Publicidade

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha