Zapping - Fefito

Apoio de Edir Macedo a Bolsonaro e outros projetos fazem Porchat deixar a Record em 2019

Apresentador quer se dedicar a projetos no cinema e na TV a cabo

Fábio Porchat na Record
Fábio Porchat na Record - Antonio Chahestian/Record

A direção da Record foi pega de surpresa nesta segunda (1º) com o aviso de que Fábio Porchat não pretende seguir na emissora no ano que vem. O contrato desobriga o apresentador de multa caso ele anuncie a rescisão três meses antes de cada fim de temporada.

A coluna apurou que, além de querer se dedicar a projetos no cinema e na TV a cabo, pesou na decisão de Porchat o desconforto por saber que Edir Macedo declarou apoio a Jair Bolsonaro no final de semana. O humorista chegou a gravar vídeo questionando a razão de se votar nele.

O anúncio da saída de Porchat já despertou o interesse de outras emissoras, como a Band, que o veem como sucesso comercial.

SUBSTITUIÇÃO

Rômulo Estrela ficou com o papel de protagonista de “Bom Sucesso”, novela das sete que estreia em junho do ano que vem. Inicialmente escalado para o mocinho, Reynaldo Gianecchini foi requisitado por Walcyr Carrasco.

Carrasco, aliás, espera contar também com Marieta Severo no elenco de sua próxima novela das nove, que estreia em julho, após “O Sétimo Guardião”.

AGENDA

A série “Carcereiros” volta ao ar na Globo no dia 11.

Agora

Fernando Oliveira

Fernando Oliveira, 34, conhecido também como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela "IstoÉ Gente", "Diário de S. Paulo", "iG", "R7". Apresenta os programas "Estação Plural", na TV Brasil, e "Mulheres", na TV Gazeta. A coluna "Zapping" é publicada diariamente no jornal "Agora", além da coluna "Olá".

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem