Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui para continuar.

Zapping - Cristina Padiglione

Lúcia Veríssimo volta à tela em série sobre universo do feminejo

Atriz vive mãe de Alice Wegmann, uma espécie de Marília Mendonça, em 'Rensga Hits', no GloboPlay

Lúcia Veríssimo em 'Rensga Hits', nova série do GloboPlay
Lúcia Veríssimo em 'Rensga Hits', nova série do GloboPlay - Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Lúcia Veríssimo, 64, está de volta à tela. A atriz vive Maria Abadia, mãe de Raíssa Medeiros, interpretada por Alice Wegmann, 26, que vem a ser protagonista de "Rensga Hits". Nova série do GloboPlay, o título já tem data para estrear na plataforma.

Afinada com o mundo da música sertaneja e o universo rural, Lúcia é amiga de longa data de nomes como Chitãozinho e Leonardo.

Na série, sua filha, Raíssa, é uma jovem do interior de Goiás, estado que mais produz aspirantes à fama por meio da sofrência sertaneja. A moça descobre que é traída pelo ex-noivo e o abandona no altar, como convém a uma boa sequência dramática.

Antes de chegar a Goiânia, Raíssa vê seu carro atolar, perrengue que inspira a desgraça expressa em uma nova composição da moça, pronta para se tornar, em curto prazo, um hit do chamado feminejo, a sofrência feminina que alavancou carreiras como a de Marília Mendonça e Maiara e Maraísa.

"As mulheres são fortes e essa é uma série de mulheres, o que é raro", diz Lúcia. "É uma série de mulheres de todas as idades, e isso é interessante porque você vê vários tipos de mulheres ali representadas", completa.

Produzida pela Glaz Entretenimento, com criação de Carolina Alckmin e Denis Nielsen, "Rensga Hits" tem oito episódios e roteiro de Bia Crespo, Nathalia Cruz, Otavio Chamorro, Victor Rodrigues e Renata Correa, que assina a redação final.

Estreia no dia 4 de agosto, para assinantes do GloboPlay.

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem