Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui para continuar.

Zapping - Cristina Padiglione

'Breaking Bad' está de volta, agora pela Band

Uma das séries mais premiadas da história ganha nova chance na TV aberta

Jesse Pinkman (Aaron Paul) and Walter White (Bryan Cranston)na série 'Breaking Bad' - Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Seis anos depois de ter sido exibida pela TV Record, "Breaking Bad", série que muita gente assistiu pela TV paga ou pela Netflix, ganha uma segunda chance na TV aberta. Dona de 230 indicações nas principais premiações americanas, com 118 prêmios, a produção soma cinco temporadas e volta à cena bem na noite deste domingo (10), pela Band.

A incrível saga do professor de Química Walter White (Bryan Cranston), que depois rendeu até o spin-off "Better Call Saul", vai ao ar semanalmente, sempre aos domingos, às 22h30, após o Perrengue na Band.

Dos produtores veteranos Vince Gilligan e Mark Johnson, o drama se notabiliza pela competência da construção de um roteiro que nos leva a torcer, até certo ponto, para o professor que troca a pouco reconhecida atividade de lecionar pelo tráfico de metanfetamina, após ser diagnosticado com um câncer terminal.

Antes de cair no mundo da contravenção, ele se vê contando moedas do modesto salário para sustentar a esposa, Skyler (Anna Gunn), que compra e vende itens no eBay, e seu filho Walter Jr. (RJ Mitte), que sofre de paralisia cerebral.

Walter fica desesperado ao perceber que sua família irá passar necessidades após sua morte e, impulsionado pelo medo e pelo desejo de oferecer dignidade a Skyler e Jr., começa a usar suas habilidades em química a favor do crime para financiar seus anseios.

"Breaking Bad" é considerada uma das melhores séries da história e entrou para o Guinness Book como o seriado mais bem avaliado de todos os tempos pela crítica.

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem