Zapping - Cristina Padiglione

Rafael Vitti, Guta Stresser e Orã Figueiredo estreiam filme na HBO Max

Em 'Júpiter', Vitti é adolescente de 17 anos, fruto de uma traição do pai

Rafael Vitti vive adolescente de 17 anos em 'Júpiter', novo filme da HBO Max - Divulgação
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Campinas

Às vésperas sua estreia como protagonista em "Além da Ilusão", Rafael Vitti, 26, chega à HBO Max nesta sexta-feira (22) como Júpiter, adolescente que só vai conhecer seu pai aos 17 anos.

O filme homônimo traz atores como Guta Stresser e Orã Figueiredo no elenco principal, além de nomes como Brenda Sabryna, Augusto Madeira, Bruce Gomlevsky, Patricia Selonk, Marcelo Rodrigues Filho e Maurício Pianco.

Esse foi o primeiro convite a Vitti para protagonizar um longa-metragem, embora o ator já tenha se destacado em novelas desde sua participação em "Malhação Sonhos", em reprise na Globo.

"Eu tive o grande prazer de interpretar Júpiter e foi um dos papéis mais especiais na minha jornada. O personagem, um enxadrista muito habilidoso e introspectivo, me ensinou muito e vocês vão conhecer um lado meu nunca antes explorado em outros trabalhos", diz o ator.​

Dirigido e roteirizado por Marco Abujamra, o filme acompanha Mario (Orã Figueiredo), um detetive particular especializado em flagrantes de adultério. Após uma perseguição, ele sofre um infarto e sua vida começa a mudar.

Ao voltar para casa, o homem descobre que tem um filho de 17 anos, Júpiter (Rafael Vitti), e que precisará cuidar dele dali para frente. O problema é que Mario é casado com Teresa (Guta Stresser) há 25 anos, o que faz de Júpiter uma prova concreta de sua traição à mulher. A partir daí, uma relação conturbada entre pai e filho se inicia, baseada no conflito geracional e na estranheza da súbita paternidade.

O filme faz parte da premissa da HBO Max de investir em produções locais. A partir disso, aspectos como o regionalismo se fazem presentes na trama. Um exemplo é a cena em que Mario leva a equipe carioca de xadrez, da qual o filho faz parte, para um torneio em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira —a conexão Rio de Janeiro - Juiz de Fora é bastante popular entre os moradores da região.

"Acredito que o filme interessa especialmente a um público jovem e adulto. Júpiter é um personagem jovem, mas muito forte, que se mantém sempre fiel ao que acredita, mesmo cercado de estranheza e de pessoas disfuncionais", conta o diretor Marco Abujamra.

Segundo ele, o personagem guarda os dissabores para si e aguenta o que pode, "aparentando uma certa passividade, mas quando o assunto é importante, ele vira um gigante, age e argumenta com uma sensibilidade e inteligência inesperadas", conclui.

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem