Zapping - Cristina Padiglione

SBT encerrará o ano de 2018 na vice-liderança de audiência

Rede de Silvio Santos leva a melhor sobre a Record na faixa matutina e na madrugada

Ratinho tem boa audiência, mas a faixa noturna, horário de maior faturamento das TVs, mostra empate com a Record ao longo do horário das 18h às 0h - Lourival Ribeiro/SBT

Descrição de chapéu Agora
Cristina Padiglione
São Paulo

Com a conclusão dos dados de audiência de novembro, o SBT se antecipa em anunciar que fechará 2018 na vice-liderança do PNT, o Painel Nacional da TV do instituto Kantar Ibope Media, que engloba as 15 maiores regiões metropolitanas do Brasil.
De janeiro a novembro, nas 24 horas do dia, a rede de Silvio Santos obteve média de 5,6 pontos, ante 5,2 da Record.
O SBT vence a Record pela manhã e na madrugada, quando a TV de Edir Macedo ainda amarga baixos índices com programação religiosa. 
Das 18h à 0h, faixa de maior faturamento na TV, no entanto, as duas empatam na média nacional.
O resultado surpreende pelo fato de o SBT investir bem menos que a Record na contratação de profissionais e na aquisição de conteúdo.
Outro dado a considerar é que as manhãs são vitoriosas para o SBT, mas representam pouco ou nada em faturamento, dadas as restrições impostas à publicidade dirigida a crianças, público-alvo do horário. Da mesma forma, não há uma avalanche de comerciais durante a madrugada, horário em que a Record sempre perde.
Assim, os decimais a mais do SBT não necessariamente se convertem em faturamento acima do caixa da Record, como poderiam fazer crer os números de audiência.

FASCINAÇÃO

Eis a primeira imagem de Thelmo Fernandes como Vinicius de Moraes e de Sérgio Guizé como Tom Jobim na minissérie “Elis - Viver é melhor que sonhar”. Em quatro capítulos, a produção parte da cinebiografia "Elis", agora com roteiro de George Moura, Hugo Prata, Luiz Bolognesi e Vera Egito e direção de Hugo Prata. Em quatro capítulos, o título mescla cenas do filme com cenas documentais e imagens  inéditas, como esta aqui estampada.​ 

Primeira imagem de Thelmo Fernandes como Vinicius de Moraes e Sérgio Guizé como Tom Jobim na minissérie ‘Elis – Viver é melhor que sonhar
Primeira imagem de Thelmo Fernandes como Vinicius de Moraes e Sérgio Guizé como Tom Jobim na minissérie ‘Elis – Viver é melhor que sonhar - Divulgação

SONHO DA CASA PRÓPRIA

Favorita ao título de campeã na final do “Dancing Brasil”, na noite de hoje, pela Record, Pérola Faria já sabe o que fará com o prêmio, caso vença: “Há 12 anos trabalho para conseguir realizar o sonho de ter a minha casa.” O prêmio é de R$ 500 mil.
 

EM OBRAS

A chegada de Mariano Boni à direção de núcleo do “Altas Horas” vai afetar a ordem de produção nos Estúdios Globo em São Paulo. A partir de fevereiro, o programa passará a ser gravado às terças-feiras, e não mais às quintas, como acontece há anos. Ordem do novo chefe. A mudança coloca em risco a temperatura do programa. Os assuntos terão de ter validade por quatro dias, até a edição ir ao ar, na noite de sábado. Em compensação, a agenda dos músicos é mais livre de shows às terças do que às quintas, o que amplia as chances de Serginho Groisman contar com grandes nomes.
 


OS GRETCHENS

Gretchen contou a Luciana Gimenez no "Luciana By Niht", pela RedeTV!, que a família pretende dar andamento ao reality show iniciado pelo Multishow, "Os Gretchens". Mesmo que o canal não pense em fazer uma segunda temporada, o programa pode se estender em um canal da família pela internet.  

Agora

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 48, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem