Aventura na cozinha

Cocada de forno leva apenas 3 ingredientes e fica pronta em meia hora

Doce é fruto do intercâmbio gastronômico entre portugueses e africanos

Cocada de forno Juliana Ventura/Folhapress

Olá, cozinheiros! Bem-vindos a mais uma aventura na cozinha!

Já falei algumas vezes nesta coluna como a açucarada doçaria portuguesa influenciou a construção da nossa confeitaria e, por consequência, a predileção do brasileiro por receitas bem cheias de açúcar, como compotas e doces de tacho.

Não é à toa que o leite condensado, cuja porcentagem de sacarose na composição passa de 60%, reina nas cozinhas. Porém, não estou aqui para demonizar o ingrediente sem o qual não teríamos brigadeiro (mesmo porque ele está presente na receita abaixo).

O tema de hoje é a cocada, doce bastante típico, que, como o quindim, é um dos mais bem-sucedidos intercâmbios gastronômicos nacionais: bastante açúcar e ovos lusitanos unidos ao coco, introduzido em terras tupiniquins com a infame escravização de africanos pelos colonizadores.

Está documentado na historiografia da culinária nacional que parte da nossa confeitaria se origina de dentro das casas de engenho, onde as mulheres portuguesas (e suas criadas) produziam doces às bases das receitas europeias, mas muitas vezes substituindo ingredientes que não eram encontrados por aqui.

Na falta de peras, maçãs, nozes e amêndoas, usava-se banana, goiaba, mamão, castanha de caju e, claro, coco. Há uma série de receitas de cocada, algumas de forno, outras de panela. Várias sem ovos, inclusive. Na minha opinião, todas maravilhosas.

Aqui, ensino uma preparação muito simples, bastante prática, com poucos ingredientes, que quase não suja louça e fica pronta em menos de 30 minutos. É uma daquelas ideias de sobremesa de última hora que satisfazem o paladar e também nossa triste necessidade de praticidade.

De toda forma, vale a pena. A cocada de forno fica ótima servida morna, mas também dura fora da geladeira por até três dias depois da produção. Uma ideia muito interessante (e testada na minha cozinha) é transformá-la em docinhos de cocada de forno. Para isso, basta enrolar colheradas de cocada em bolinhas e depois passar no açúcar.

Fique em casa e vamos para a cozinha? Até a próxima!


COCADA PRÁTICA

Dificuldade: Fácil
Rendimento: 6 pessoas

Ingredientes
200 g de coco ralado
3 gemas
1 lata de leite condensado
1 colher (café) de extrato de baunilha (opcional)
Manteiga para untar

MODO DE FAZER

  1. Separe as gemas e bata levemente.

  2. Misture as gemas, o leite condensado e o coco até formar uma massa homogênea.

  3. Unte uma forma de cerca de 20 cm de diâmetro com manteiga.

  4. Coloque a mistura na assadeira e ponha em forno médio pré-aquecido até dourar (cerca de 20 minutos).

(A)ventura na cozinha

Juliana Ventura, 36, é jornalista formada pela PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), pós-graduada em gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi e professora de culinária para crianças.
email: aventuranacozinha@grupofolha.com.br
Instagram: @venturanacozinha

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem