Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Celebridades

Paul Walker vai ganhar estrela na calçada da fama dez anos após sua morte

Astro da franquia 'Velozes e Furiosos' morreu em acidente de carro em 2013

Paul Walker durante desfile na SPFW - Filipe Carvalho-21.mar.2013/Reuters
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Paul Walker (1973-2013) vai ganhar uma estrela na calçada da fama de Hollywood em 2023. A data marca os dez anos da morte do ator, que era um dos astros da franquia "Velozes e Furiosos" e morreu aos 40 anos em um acidente de carro.

A notícia foi anunciada na sexta-feira (17) e comemorada pela filha do ator, Meadow Walker, nas redes sociais. "Parabéns, papai", escreveu. "Eu sei que sua versão jovem nunca acreditaria! Eu também sei que você está olhando para baixo com seu sorriso contagiante, sentindo-se embaraçado e grato. Você conquistou isso e merece isso e muito mais. Eu te amo!"

Além de Walker, outras 23 personalidades serão homenageadas. Entre elas estão nomes como Uma Thurman, Mindy Kaling, Ralph Macchio, Ellen Pompeo, Vince Vaughn, Ludacris, Jonas Brothers e Lenny Kravitz.

Além do personagem Brian O'Conner em "Velozes e Furiosos", Walker participou de mais de 40 produções em quase 30 anos de carreira na TV e no cinema. Entre os filmes que estrelou estão "Perseguição", "Marcação Cerrada", "Ela É Demais" e "Sociedade Secreta".

ACIDENTE

O ator morreu após um acidente de carro na região norte de Los Angeles, nos Estados Unidos, no dia 30 de novembro de 2013. Ele estava no banco do passageiro de um Porsche quando o veículo se chocou contra uma árvore e um poste e explodiu.

O veículo foi encontrado em chamas e, quando os bombeiros conseguiram apagar o fogo, encontraram os dois ocupantes mortos. Segundo o delegado do condado de Los Angeles, velocidade foi um fator no acidente. Próximo ao local da colisão, foram encontradas marcas de borracha queimada no asfalto formando o número 8.

Walker e o motorista estavam no local para um evento de caridade da Reach Out Worldwide, na comunidade de Valência, em Santa Clarita, a cerca de 30 quilômetros ao norte de Hollywood. O site da organização afirmou na época que o encontro foi destinado a beneficiar as vítimas do tufão Haiyan, nas Filipinas.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem