Celebridades

Britney Spears: Fãs atacam Brenda Penny na web, juíza responsável pelo caso

Magistrada chegou a receber ameaças de morte

Cartaz preto escrito "Justice 4 Britney", Justiça para Britney em português, em letras rosa, ao lado de uma foto em preto e branco de Britney Spears com um "X" sobre a boca
Cartaz de Britney Spears durante um protesto organizado pelos fãs na frente do tribunal de Los Angeles - Robyn Beck/AFP
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A juíza responsável pelo caso da tutela da cantora Britney Spears, 39, vem recebendo ataques dos fãs da artista. Segundo o TMZ, Brenda Penny chegou a ser ameaçada de morte após negar o pedido de uma audiência de emergência para o processo.

Além disso, os fãs também não aceitaram a decisão da juíza de não suspender o pai da cantora, Jamie Spears, imediatamente da tutela. Com isso, o Departamento de Polícia do Condado de Los Angeles passou a investigar o caso e monitorar os comentários nas redes sociais.

Penny recebeu desde recados vagos até ataques racistas. A hashtag #BrendaPennyIsCorrupt chegou a ficar entre os assuntos mais comentados no Twitter após a decisão de não adiantar a audiência. Na publicação do TMZ, comentários mais diretos são mostrados.

"Tenho a sensação de que esta juíza Brenda Penny terá uma morte horrível e misteriosa #FreeBritney", escreveu um internauta. No Brasil, os fãs da cantora também repercutiram o caso. "Eu quero ver essa Brenda Penny na cadeia é isso que eu quero ver", escreveu um.

"O que está fazendo com Britney Spears é desumano. Juíza Brenda Penny você é uma vergonha", pontuou um segundo. "A juíza Brenda Penny deve ser sua próxima meta. Pessoas assim merecem que suas vidas sejam arruinadas", escreveu outra internauta.

"Acabei de me lembrar que Brenda Penny é incrivelmente preguiçosa, então talvez ela apenas negue o pedido para agilizar a audiência porque ela está apenas na página três de 127. Ela não conheceria o trabalho duro nem se isso a mordesse na bunda", pontuou um quarto.

A publicação diz que a juíza não justificou especificamente o motivo pelo qual não adiantou a audiência. No entanto, com base no que foi apresentado ao tribunal, aparentemente ela não viu necessidade urgente de realizar o encontro mais cedo.

Recentemente, a cantora afirmou que irá publicar "um pouco menos [de conteúdo] a partir de agora". Em seu Instagram, a artista disse que sente que a imprensa tem sido "muito desagradável" com ela em suas redes sociais.

A publicação feita na última segunda-feira (9) mostrava um vídeo do escritor de culinária Jake Cohen, fazendo um lanche de abacate. A estrela do pop explicou na legenda que no início gostou de compartilhar sua vida em um lugar que ela se sentiu "completamente sem esperança por tanto tempo".

"Infelizmente, as notícias têm sido bem desagradáveis, dizendo mentiras horríveis e maldosas sobre mim, então vou postar um pouco menos a partir de agora!", continuou. A artista citou a música "Kill 'Em With Kindness" de Selena Gomez, 29.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem