Celebridades

Fogaça vai a hospital após queda no MasterChef; gravações foram canceladas

Chef teve corte superficial na cabeça, mas passa bem

 Henrique Fogaça
O chef, empresário e jurado do MasterChef (Band) Henrique Fogaça - Alt Tasty
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O chef Henrique Fogaça, 47, sofreu uma queda durante as gravações do MasterChef Brasil (Band) nesta sexta-feira (30). "O jurado teve um corte superficial na cabeça e foi prontamente atendido pela equipe médica da Band", diz início da nota enviada pela assessoria de imprensa da emissora ao F5.

"Ele está bem e foi encaminhado para o Hospital Albert Einstein, onde passa por exames de praxe. As gravações desta sexta-feira foram canceladas", finaliza o comunicado.

Em busca da retomada dos velhos e áureos tempos de boa audiência, a oitava temporada do MasterChef versão amadores estreou no início de julho apostando no antigo formato e em uma dinâmica mais acirrada para agradar ao público.


“Procuro ver só o potencial de cada um. Eu não tenho preferência por candidatos, mas trabalhamos com sonhos. Eventualmente eu choro, mas não quer dizer que estou apegado”, disse Fogaça ao comentar a nova edição da atração.

Em março, o chef se envolveu em uma polêmica ao criticar a jornalista e apresentadora do Jornal Hoje (Globo), Maju Coutinho, 42 por ela ter usado a frase “o choro é livre” ao defender que todos fiquem em casa durante a pandemia.

"O que vocês acham desse tipo de jornalismo? Agora vaiii..... chega de hipocrisia e descaso com nosso povo BR [brasileiro", escreveu o chef em uma rede social.

A manifestação de Fogaça ainda traz uma foto da jornalista com a seguinte mensagem: "O choro é livre" ... disse Maju Coutinho favorável ao lockdown, diretamente do seu posto de trabalho, com seu salário em dia e com o estômago cheio". O cantor sertanejo César Menotti foi um dos que curtiu a publicação.

Uma grande parte dos seguidores do chef saíram em defesa de Maju Coutinho. "O descaso é dos jornalistas ou do governo federal que não está ajudando a população, comerciantes e empresários?", indagou uma seguidora. "Ela já se desculpou, que só posicionou mal e tal. Acho que podemos pegar mais leve, em meio ao caos de uma pandemia, muitas vezes a emoção toma conta!", disse outra.

"Acho que valeria a pena assistir o vídeo na íntegra, chefão. A frase solta não deixa claro para quem ela falou isso", disse um seguidor. "Poste também a retratação dela Fogaça. É o justo! Você também já falou merda e vai fazer com ela o mesmo que fizeram com você?", questionou outro seguidor.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem