Celebridades

Alok, Felipe Neto, Maisa e famosos lamentam morte de filho de Whindersson Nunes

Artistas e amigos do comediante prestaram solidariedade

Whindersson Nunes e o filho prematuro
Whindersson Nunes mostra foto com o filho prematuro (Joao Miguel) - @whinderssonnunes no Instagram
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Famosos se solidarizaram e fizeram homenagens ao humorista Whindersson Nunes, 26, e a sua esposa, Maria Lina Deggan, 22, após a morte prematura do filho, João Miguel, que nasceu de 22 semanas.

Maria Lina Deggan estava no início do sexto mês de gestação quando deu à luz João Miguel. A criança nasceu em uma maternidade de São Paulo, onde estava sob cuidados médicos. Porém, de acordo com a assessoria de Nunes, ele não resistiu.

“Meu Deus, que tristeza. Nossos sentimentos e orações”, publicou o apresentador e jornalista Celso Zucatelli. “João Miguel nem chegou e já foi embora. Visita de anjo. Meus sentimentos ao casal”, escreveu Sonia Abrão.

O DJ Alok, que recentemente também viu sua filha, Raika, nascer de forma prematura, publicou um relato e mandou forças para o casal.

“Sei o quanto é difícil a prematuridade. Whin e Maria, vai ficar tudo bem. João Miguel é um grande guerreiro. Peço a todos que emanem energias positivas para a família. Fé”, postou.

O também comediante Maurício Meirelles prestou sua solidariedade. “Eu quero deixar todo meu amor, carinho e compaixão pro Whindersson. E exijo que a sociedade tenha mais cuidado com as palavras, principalmente neste momento.”

Wesley Safadão e a apresentadora Maisa também mandaram energias positivas para o casal. O influenciador digital e empresário Felipe Neto também mostrou sua solidariedade a eles.

“Muita força para a Maria Lina e o Whindersson. Que a família, os amigos e a fé possam confortá-los nesse momento de dor. Ninguém merece passar por algo assim. Sinto muito”, postou.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem