Celebridades

Maitê Proença busca novo amor e se choca com 'pequena oferta de candidatos'

Atriz anunciou estar solteira em fevereiro deste ano e agora busca companheiro

Maitê Proença - Globo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A atriz Maitê Proença, 63, está solteira e afirmou que está na busca por um novo amor. "Procuro um companheiro que saiba velejar", começou, "que me ensine e que tope sair por aí se encantando com o mundo. A essa altura pode ser no sentido metafórico, tem jogo", publicou em seu Instagram.

A publicação foi bombardeada de comentários de possíveis candidatos à "vaga" para ser parceiro de Proença. "Uau! onde eu deixo o currículo?", escreveu um internauta. "Eu sei velejar Maitê... no meu simulador de veleiro no computador", brincou outro seguidor.

Pouco tempo depois, a artista voltou e fez um desabafo: "Estou um pouco assustada com a pequena oferta de candidatos", escreveu em um Stories, que mostrava seu rosto com um semblante triste. Em fevereiro deste ano ela anunciou estar solteira.

Na época, ela respondeu perguntas de internautas sobre o tema. "Só se meu príncipe cair do teto porque não tenho saído de casa", disse em tom de brincadeira. "Agora vai ser difícil, mas estamos abertos, nunca se sabe. Quem sabe não vem num drone ou não apareça trazido por uma cegonha", completou a atriz.

Ela já havia afirmado que não vê problemas em se relacionar com homens mais novos. "Meu último namorado era mais jovem. Não tenho nenhum preconceito nessa área", comentou. "Com o tempo, as rugas são inevitáveis, o corpo vai ficando mole, são dores por todas as partes. A única coisa que traz vigor é a saúde".

Em julho de 2020, Proença se tornou avó. Sua filha, Maria Marinho deu à luz a Manuela. O anúncio foi feito por comentários nas redes sociais. "Nossa filhinha maravilhosíssima cresceu", escreveu a artista em resposta ao comentário de Paulo Marinho, ex-companheiro.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem