Celebridades

Caco Ciocler relata caos em SP ao passar oito horas em ônibus e andar 10 km em água suja

Ator só conseguiu entrar em casa 17 horas depois de ter saído do Rio

O ator Caco Ciocler antes da estreia da peca "Fim", no teatro do Sesc Consolação - Greg Salibian/Folhapress
São Paulo

O ator Caco Ciocler, 48, passou muito perrengue em sua volta à São Paulo nesta última segunda-feira (10) por conta das fortes chuvas. Ele diz ter ficado oito horas dentro de um ônibus e andado cerca de dez quilômetros até a sua casa com água imunda.

“Oito horas preso num ônibus e 10 km de caminhada depois sob chuva e água imunda, chego finalmente em casa, coisa que muita gente não tem ou perdeu hoje! Um dia triste para São Paulo”, postou ele no Instagram.

Em entrevista ao programa da Globo Se Joga, contou mais detalhes dos momentos de tensão durante as enchentes. “Era para chegar na rodoviária de SP às 6h40. Acordei umas 9h40 e o ônibus não tinha saído do lugar. Vi parentes ligando, gente preocupada. Fiquei no ônibus até 14h e tentei a primeira saída”, revela.

Nesse momento, andou dois quilômetros, mas estava impossível de caminhar, já que segundo ele a água batia na barriga e por vezes no peito e estava cheia de ratos, sujeira e baratas. 

Mas, apesar do momento chato, Caco conta que conseguiu ver um clima de solidariedade dentro do transporte público. As pessoas começaram a se ajudar e, inclusive, a se revezar para comprar comida em um mercadinho da Marginal cujo caminho ainda estava transitável.

O ator conseguiu chegar a uma estação de metrô às 16h30, dez horas depois da hora em que estava prevista a chegada na rodoviária do Tietê. Ainda deu tempo de passar numa lanchonete para comer um omelete, já que estava sem se alimentar.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem