Celebridades

Harry Styles diz que não aceitou papel em 'A Pequena Sereia' por foco em carreira musical

Ex-integrante do One Direction estava cotado para viver príncipe Eric no live-action

Harry Styles para a campanha do perfume da Gucci
Harry Styles para a campanha do perfume da Gucci - Instagram/harrybrasilcom
São Paulo

O cantor Harry Styles, 25, foi cotado recentemente para viver o príncipe Eric no live-action de "A Pequena Sereia" (1998), mas recusou o papel. O ex-integrante do One Direction contou que o motivo da resposta negativa foi por estar focado em sua carreira musical, prometendo lançar novas músicas.

"Isso foi discutido", referindo-se a viver o papel de Eric ao lado de Halle Bailey, 19, que viverá a doce Ariel. "Quero lançar música e focar nisso por um tempo. Mas todos os envolvidos foram incríveis, então eu acho que vai ser ótimo. Vou gostar de assistir, tenho certeza", contando seu novo foco na carreira à revista The Face.

Conhecido por seus looks exuberantes e quase sempre inovadores, Styles disse que nunca se preocupou em estar usando algo dito mais feminino. "O que é feminino e o que é masculino, o que os homens estão vestindo e o que as mulheres estão vestindo? É como se não houvesse limites mais para isso", concluiu o pensamento.

Mais uma vez, o cantor reforçou que nunca se rotulou quanto a sua sexualidade. "Nunca realmente me rotulei", contando que sempre recebe inúmeras identificações sobre esse assunto. "Recebo muitas, mas nem sempre sou super sincero. Mas eu acho que está mais que claro nas escolhas que eu faço que eu me sinto de certa forma muitas coisas".

Styles estreou nos cinemas no premiado "Dunkirk", de 2017, vencedor de três Oscars. Além de convidado para o remake da clássica animação da Disney,  ele fez testes para interpretar Elvis Presley no cinema, mas o papel acabou ficando com Austin Butler.  

Outros atores já estão sendo escalados para contar a história de Ariel. O papel de Úrsula é de Melissa Mccarthy. O ator espanhol Javier Bardem, 50, poderá viver o Rei Tritão.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem