Celebridades

Luisa Marilac diz que pensa em processar Nego do Borel: 'Não é pelo dinheiro, mas pela causa'

Músico foi acusado de transfobia por comentário em redes sociais

Em um momento do clipe de 'Me Solta', Nego do Borel beija o modelo Jonathan Dobal
Em um momento do clipe de 'Me Solta', Nego do Borel beija o modelo Jonathan Dobal - Reprodução

Gilmara Santos
São Paulo

A travesti Luisa Marilac publicou um vídeo no YouTube nesta terça-feira (29) em que não descarta a possibilidade de ir à Justiça contra o cantor Nego do Borel. "Sempre segui o Nego do Borel, sempre tive muito carinho por ele até que ele me ofendeu daquela forma", disse ao afirmar que tem sido muito criticada por não processar o cantor.

"Não entrei com ação porque a minha advogada entrou em contato com a equipe dele para ver se a gente conseguia fazer um processo de conscientização, que ele falasse nas redes sociais dele sobre causa transgênica, sobre o gay. Entendesse mais  sobre o assunto para ajudar mais nessa causa devido aquele vacilo que ele deu comigo. Seria uma troca justa, ele orientar o público dele", disse Luisa. 

"A intenção era essa. O tempo já passou e assunto está morrendo, graças a Deus, e nós estamos esperando uma posição de Borel, para ver a atitude e essa decisão que ele vai tomar", completa.

Ela garante que não quer dinheiro nem se autopromover com a situação. "Quero que ele divulgue a causa." 

De acordo com Luisa, ainda não houve retorno da assessoria do cantor. "Tentei de uma forma, por ter respeito e gostar dele, e não consegui. Se for o caso de eu ter que entrar na Justiça reivindicando algum direito, não faço questão de nenhum tostão. Será revertido em alguma causa trans."

"É respeito que estamos precisando. É hora das pessoas pararem de bater e depois vim soprar pedir desculpa e a gente deixar. Eu não deixo ninguém mais me bater na minha cara, me agredir ou ofender e depois pedir desculpa e ficar por isso mesmo. Não. Já passou", completa.

No começo do mês, Nego do Borel recebeu críticas após responder um comentário, em uma rede social, da travesti Luisa Marilac. Na ocasião, ela elogiou o cantor, que respondeu chamando a travesti de "homem gato". 

Um dia após o ocorrido, Nego do Borel gravou um vídeo se desculpando. "Às vezes, eu faço umas brincadeiras sem noção e que acabam machucando as pessoas, mas não é o que eu quero. Tô fazendo de tudo pra aprender e melhorar mais todo dia", disse o artista na época.

Luisa também publicou vídeo agradecendo o apoio do público e pedindo o fim do linchamento do cantor. "Vamos falar de amor, vamos falar de respeito ao próximo."

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem