Tony Goes

Por que perdoamos tudo a Silvio Santos?

"Você é muito graciosa. Embora sendo a única negra entre as brancas, é bonita. É bonita de verdade". Foi assim que Silvio Santos elogiou Daiane, integrante de um grupo de bailarinas plus size, durante o Teleton (SBT), no sábado (5).

A internet reagiu, claro. Logo pipocaram comentários alfinetando o apresentador nas redes sociais. Mas também surgiu gente defendendo-o, e o assunto morreu em pouco tempo.

LEIA TAMBÉM:

Silvio Santos diz que Roberto Carlos 'está velho, com a testa sem cabelo' e 'numa pior'

Silvio Santos aprende a fazer cappuccino em ida ao salão; assista

Não foi nada comparável ao reboliço de dois anos atrás, quando a Globo lançou a série "Sexo E As Nega". O fato de o programa ser estrelado por quatro atrizes negras e apresentar um retrato realista e bem-humorado do cotidiano de mulheres afrodescendentes no Rio de Janeiro não comoveu os reclamões, que se incomodaram com a palavra sexo no título.

Quase todas as figuras públicas são observadas com lupa pelos tribunais virtuais, e qualquer fala ou atitude que cheire a racismo, homofobia ou machismo é alvo de críticas (na maioria das vezes, merecidamente).

Fausto Silva, Luciano Huck, Rachel Sheherazade, Regina Casé, Angélica, Mara Maravilha... Todos já foram julgados e condenados pelos internautas, e hoje vivem numa espécie de liberdade vigiada.

Mas Silvio Santos é sempre poupado. E olha que ele é reincidente: em setembro deste ano, no quadro "Talento Infantil", o apresentador perguntou à menina negra Elis se o cabelo crespo dela não estaria chamando atenção demais.

No Teleton de 2014, espantou-se quando Julia Oliver, atriz negra da novela "Chiquititas", disse que queria continuar na carreira artística quando crescesse: "Com este cabelo?".

Também não faltam exemplos dele soltando tiradas preconceituosas de todo tipo gordofóbicas, chauvinistas, homofóbicas. Mas deixamos tudo passar, e até achamos graça. Por quê?

Vou arriscar um palpite. Aos 86 anos de idade, Silvio Santos já está meio acima do bem e do mal. Lidamos com ele da mesma maneira com que encaramos aquele tio idoso de ideias antiquadas: a essa altura da vida, o cara não vai mudar. Melhor dar risada e olhar para o outro lado.

Mas não é só isto. Acho que, justamente por estar no ar há tanto tempo e praticamente fazer parte da paisagem, Silvio Santos não fala mais aos jovens. As novas gerações estão se afastando da TV aberta, e cada vez mais consumindo conteúdo pela internet. Silvio é alguém de quem só os pais e avós gostam.

Por não atingir essa garotada muitas vezes engajada, que ocupa escolas e faz manifestações, ele acaba sendo perdoado. Quase não há memes com Silvio, quase não há gifs. Para essa turma, o dono do SBT e do Baú da Felicidade não incomoda. Curioso, não?


Tony Goes

Tony Goes tem 56 anos. Nasceu no Rio de Janeiro, mas vive em São Paulo desde pequeno. Já escreveu para várias séries de humor e programas de variedades, além de alguns longas-metragens. E atualiza diariamente o blog que leva seu nome: tonygoes.blogspot.com

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem