Publicidade
  • Aline
    • Aline
    • eliminado
  • Anamara
    • Anamara
    • eliminado
  • André
    • André
    • eliminado
  • Andressa
    • Andressa
    • eliminado
  • Aslan
    • Aslan
    • eliminado
  • Dhomini
    • Dhomini
    • eliminado
  • Eliéser
    • Eliéser
    • eliminado
  • Fani
    • Fani
    • eliminado
  • Fernanda
    • Fernanda
    • participante
  • Ivan
    • Ivan
    • eliminado
  • Kamilla
    • Kamilla
    • eliminado
  • Marcello
    • Marcello
    • eliminado
  • Marien
    • Marien
    • eliminado
  • Nasser
    • Nasser
    • eliminado
  • Natália
    • Natália
    • eliminado
  • Yuri
    • Yuri
    • eliminado

Discursos de Bial servem para tocar o terror no "BBB13"

18/03/2013 - 09h54

Publicidade

Passei por uma experiência curiosa neste domingo (17). Fiquei sem acesso à TV, e justo em noite de eliminação e formação de novo paredão no "BBB13".

Perfil no Twitter acerta previsões sobre o "BBB13"
"BBB13": Fani descobre sobre falso '"hermano" e rejeita romance
Emparedados, André e Fernanda lamentam voto de Andressa

Mas nem tudo estava perdido. Minha conexão à internet funcionava perfeitamente, e eu corri para o site oficial do programa. Há uma página lá que transmite o "feed" ao vivo de várias das câmeras espalhadas pela casa, sem nenhum corte ou sonorização.

Escolhi uma delas, que mostrava os confinados sentadinhos no sofá. Todos conversavam entre si de maneira descontraída, num clima até agradável. Não estavam sendo vistos pelos telespectadores. Na tela da Globo, naquele momento devia estar sendo exibido o vídeo da festa da noite anterior.

Aí Pedro Bial apareceu no telão para os jogadores, e a coisa ficou surrealista. Eu não conseguia escutar uma única palavra dita pelo apresentador: o áudio daquela imagem era apenas o da sala do sofá.

Bial falava, falava, e apavorava Fani e Nasser. As expressões alegres dos emparedados, tão sorridentes apenas alguns minutos antes, foram substituídas por máscaras do mais absoluto terror.

Afinal, é para isto mesmo que servem as eruditas perorações "bialianas": cheias de enigmas e ambiguidades, são escritas de maneira a confundir quem não acompanha as enquetes informais da internet. Também são uma forma requintada de tortura.

Fani se foi, como bem previu o público do "F5" e do "UOL". Dos veteranos, sobrou apenas Natália na competição. Um caso a ser estudado pelos concorrentes do futuro: como é que uma candidata com um índice tão alto de rejeição conseguiu chegar, no mínimo, entre os quatro finalistas?

Mas minha experiência surrealista não acabou por aí. Mesmo sem poder ouvir direito, entendi que o novo líder Nasser despachou André para o novo paredão. Logo na sequência, Andressa abriu tamanho berreiro (muito maior do que o mostrado pela TV) que eu achei que ela também fora indicada.

Só quando voltei para a "home" do "F5" é que percebi que a emparedada havia sido Fernanda. Dedessa, na verdade, estava arrasada ante a possibilidade de perder a companhia da amiga na próxima terça-feira (19). É um fenômeno recorrente do "BBB13": geralmente, a pessoa mais próxima do eliminado sofre muito mais que o próprio.

Um dos casais símbolo dessa edição vai se desfazer amanhã, numa disputa que pode ser emocionante. Opa, espera aí: será que ainda existe algum fiapo possível de emoção nesse "BBBcrazy"? Ainda mais agora, depois que o tal do perfil "FraudeBBB" entregou um monte de resultados do jogo no Twitter.

Talvez o próprio perfil seja "fake". O fato é que não está muito difícil prever o que vai acontecer daqui para a frente.

  • Últimas notícias 
  •  

gostou? leia também

  •  

Publicidade

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha