Publicidade

colunistas - renato kramer

Cida não consegue transformar Conrado em bom moço em "Cheias de Charme"

14/09/2012 - 09h30

Publicidade

'Cheias de Charme': "pau que nasce torto, nunca se endireita".

O jovem Conrado (Jonatas Faro) está demonstrando que essa máxima popular tem mesmo o seu fundo de verdade: 'pau que nasce torto, nunca se endireita'! Com a ajuda da jovem , romântica e iludida, Cida (Isabelle Drummond), o PHD em pilantragem está falseando uma 'conversão' a moço bom que não aconteceu realmente.

No capítulo desta quinta-feira (13), Cida convence-o a vender o seu cavalo, já que é fruto de um golpe que dera no seu pai, o ricaço Otto Werneck (Leopoldo Pacheco) - que tem uma queda forte pela Penha (Taís Araújo).

TV Globo
Cida (Isabelle Drummond) e Conrado (Jonatas Faro) em cena de "Cheias de Charme"
Cida (Isabelle Drummond) e Conrado (Jonatas Faro) em cena de "Cheias de Charme"

Mas se o 'anjo' Cida o empurra para o arrependimento dos erros cometidos, a 'demoníaca' Máslova (Aracy Balabanian), sua avó, arrasta-o sempre de volta para o lamaçal das falcatruas.

Concorda que o garoto venda o cavalo para amolecer o coração do pai. Mas que fique com pelo menos 20% da venda, alegando ao pai ter feito um mal negócio. Ardilosa que só ela. Mas Cida ainda não tirou Elano (Humberto Carrão) da cabeça.

Enquanto isso, Sandro (Marcos Palmeira) acorda sentado na sala com a maleta cheia de dinheiro que foi esquecida em seu táxi. Dinheiro falso, segundo ele. E depois de tanto penar, vai devolvê-lo numa delegacia, com receio de que os eventuais traficantes, donos da grana roubada, viessem atrás dele. E dá sorte.

O dono reaparece para agradecer os dois mil euros que foram devolvidos por ele na delegacia. "Você é um herói!", diz o dono da grana. "Eu, um herói?", diz o cara que estava com a auto-estima lá embaixo por ter perdido a sua 'neguinha' (Penha) para o bonitão Gilson.

E a Penha andou tendo sonhos exóticos... quase eróticos, com os seus admiradores. Na primeira fase foi com o próprio Sandro, do qual acordou como se fosse de um pesadelo. No segundo foi com Otto, já mais ameno, mas ainda assim um tanto sufocante. Quando pensou que não sonharia mais, apareceu Gilson (Marcos Pasquim), com o qual não teve pressa nenhuma de acordar.

Quem acorda cheia de animação é a cantora Chayene (Cláudia Abreu), e manda Laércio (Luiz Henrique Nogueira), o seu urubuzinho que anda muito hostil últimamente, chamar urgente a sua cartomante Madame Kastrup (Lady Francisco) para orientá-la em seus planos. Não deixa de ser interessante assistir às duas atrizes contracenando em 'Cheias de Charme', sendo que no Canal Viva elas contracenam muito também na reprise de 'Barriga de Aluguel' (1990).

Decidida a seguir seus planos de reconquistar Fabian (Ricardo Tozzi), Chayene segue para o hotel onde ele se encontra com Rosário (Leandra Leal) em meio a uma turnê. Só que não é bem Fabian que está lá. É o seu 'sósia' Inácio.

Ao voltar para o seu quarto para espantar a tentação de agarrar Rosário, que não só pensa que ele é Fabian como jura por Deus que Fabian é gay, alguém agarra-o por trás para fazer-lhe uma grande surpresa: a poderosa Chayene! Provavelmente, ela é quem sairá desse encontro bem surpresa!

Renato Kramer

Natural de Porto Alegre, Renato Kramer formou-se em Estudos Sociais pela PUC/RS. Começou a fazer teatro ainda no sul. Veio para São Paulo e ingressou na Escola de Arte Dramática (USP), formando-se ator. Escreveu, dirigiu e atuou em diversos espetáculos teatrais. Fez algumas colaborações para a Ilustrada e, sempre a convite, assinou a coluna Antena, da "Contigo". Nesse meio tempo, fez crítica de teatro para o "Jornal da Tarde" e na rádio Eldorado AM. Mais recentemente foi colunista da Folha.com, comentando o BBB11. Atualmente, além de atuar, cursa Filosofia.

  • Últimas notícias 
  •  

gostou? leia também

  •  

Publicidade

resumo das novelas

Siga agora o F5 no Twitter

Livraria da Folha