Você viu?

Promotor da F-1 no México diz que Netflix aumentou número de mulheres fãs da categoria

Dados mostraram aumento de 30% no interesse feminino após série 'Drive to Survive'

Formula One F1 - Mexican Grand Prix
Formula One F1 - Mexican Grand Prix - Carlos Jasso/Reuters
Alan Baldwin

O principal promotor do Grande Prêmio do México de Fórmula 1 disse que mais mulheres do que nunca devem comparecer à corrida deste ano, graças ao sucesso de uma série de documentários da Netflix.

Alejandro Soberon, presidente da CIE, empresa que promove a prova, disse na sexta-feira (25) que os dados mostraram um aumento de 30% no interesse feminino por uma corrida cujos ingressos estão esgotados pelo quinto ano consecutivo.

“Acho que essa série teve um efeito especial sobre as mulheres, que achavam esse conceito extremamente chato até que descobriram que havia drama por trás, havia uma narrativa diferente e acho que ajudou”, disse ele. “Não está mais tão distante, você pode tocá-lo, é mais humano.”

A série de dez episódios "Drive to Survive" foi filmada em 2018 e lançada este ano, concentrando-se principalmente em equipes mais abaixo do grid de largada depois que a campeã Mercedes e a rival Ferrari decidiram não fazer parte dela. Uma segunda série foi encomendada, desta vez com todas as equipes envolvidas. 

“É um verdadeiro interesse de mulheres”, disse ele. “Está diretamente relacionado à série da Netflix. Elas responderam e comentaram. Pelo menos no México, a série foi amplamente bem-sucedida.”

Reuters
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Mais lidas