Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

BBB22

BBB 22: Scooby fala em desistir após votação conturbada: 'Malas prontas'

Com aliança de DG abalada e PA no paredão, ele se revoltou com falsidade

Imagem de Pedro Scooby
Scooby diz que quer sair do programa após formação do paredão - Globo/Reprodução
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Pedro Scooby se revoltou com a formação do novo paredão do Big Brother Brasil 22 (Globo), que está entre Brunna Gonçalves, Paulo André e Gustavo. Depois do programa ao vivo, o surfista foi para o quarto e começou a fazer as suas malas.

Indignado com a escolha de Tiago Abravanel, Natália, Jessilane e Lina em PA, Scooby afirmou que o grupo foi extremamente falso e tirou sarro da suposta "união" que estava se formando no quarto grunge. "Só funciona com a gente essa falsidade. Ficaram botando na cabeça da gente que agora estamos todo mundo unido. Unido é o caramba! Primeira oportunidade que tiveram de bater na gente, tá aí PA", disse.

Arthur Aguiar tentou acalmar o amigo, mas Scooby continuou exaltado. "Se amanhã eu resolver, minhas malas já estão prontas", disse o surfista enquanto mexia em suas coisas. Além do incômodo com as meninas com quem divide o quarto, o ex-marido de Luana Piovani também reclamou da atitude de DG, seu aliado e amigo na casa.

Em conversa com Jade, Scooby disse que ficou irritado com a atitude de DG e afirmou que o brother tentou "empurrar" o voto dele em Laís. "Essa é a parada. No final, tudo acontece do jeito que o DG coloca! Quem manda no grupo é ele. (...) Porque ele que veio com a ideia de não votar nas meninas, ele que deu a ideia de votar na Laís. Ele vem falando, falando... É porque ele é meu brother, porque não sei porque fui acreditar. Eu estou sentindo que estou traindo meu próprio coração".

O surfista também conversou com Eliezer, quem indicou para o paredão, e explicou que o brother não era a sua opção, mas era isso ou votar em Laís.​ Durante a votação, os brothers se dividiram em três grupos e em consenso tiveram que indicar uma pessoa direto pro paredão.

DG e Arthur Aguiar estavam decididos em votar na Laís, enquanto Gustavo não concordava com a escolha e Scooby e PA ficaram em cima do muro. Em certo momento o surfista chegou a se dar como "voto vencido", apesar de afirmar que tem uma boa relação com a sister e que ela não é a sua prioridade.

Gustavo tocou no nome de Eliezer e ele disse que assim como Laís, era uma forma de movimentar o quarto lollipop. Os participantes não chegaram a um consenso e Tadeu Schmidt precisou intermediar a escolha do grupo. Cada um deu o eu voto e na sua vida, Scooby demorou para se decidir.

PA pediu para que o amigo se posicionasse e os dois acabaram decidindo por Eliezer, assim como Eliezer. Por 3 a 2, Laís não foi para o paredão.

Durante a festa de ontem, DG perguntou para Scooby se ele votaria em alguém com a intenção de protegê-lo o paredão. Sem pestanejar, Scooby disse que sim e DG questionou se ele votaria em Laís e o surfista deu um sinal positivo.

Os internautas relembraram o momento e criticaram a atitude de Scooby. Segundo a maioria deles, o surfista "deu para trás" e não foi amigo de verdade. "Atira pra tudo que é lado e não tem coragem de se comprometer mesmo que pra isso comprometa os 'amigos' dele", afirmou uma internauta no Twitter.

"Scooby tá reclamando no DG, não tô entendendo… ele disse que ia proteger o DG, ai chegou na hora não sabia em quem votar e seguiu o que o Gustavo queria", comentou a influenciadora Foquinha. "Não foi o Scooby que disse na festa ontem pro DG que fecharia votação com ele caso ele precisasse?", lembrou a apresentadora Ju de Paulla.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem