BBB19

BBB 19: Polícia do Rio instaura inquérito para apurar supostas falas racistas dos 'brothers'

Internautas reclamam de comentários de Paula e Maycon

Depois da formação do paredão, Paula diz que vai dar em cima de Alan - Globo

São Paulo

No ar há quase um mês, a 19ª edição do Big Brother Brasil ganhou mais uma polêmica para incluir em sua listinha. Dessa vez são os comentários racistas e preconceituosos dos “brothers” que chamaram a atenção dos telespectadores e levaram a polícia a instaurar inquérito para investigar o caso. 

Segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, as investigações estão sendo conduzidas pelo Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância), mas seguem sob sigilo. Ela não informou quem são os participantes envolvidos na polêmica, mas internautas já apontavam problemas em falas de Paula e Maycon. 

Um dos comentários mais criticados foi quando Paula afirmou a Diego e Hariany que tem medo de Rodrigo por ele ter contato “com esse negócio de Oxum”. Ela chegou a ser alertada pela amiga de que poderia ser considerada preconceituosa, mas Paula continuou: “Mas eu não sou não... nosso Deus é maior”. 

Já Maycon foi acusado de intolerância religiosa por internautas após falar ter sentido um arrepio enquanto ouvia umas músicas esquisitas, dançada por Rodrigo e Gabriela. “Olhei para os dois, num sincronismo legal. Achei legal, juro por Deus. De repente, comecei a olhar e escutar uns negócios. ‘Não faça igual a eles’. Aí veio Jesus Cristo em minha mente. ‘Não para aqui. Para a vida inteira. Se fizer igual a eles, eles ganharão mais força’. Eu não sou doido”. 

No Twitter, internautas chegaram a criar a hashtag #BastadeRacismoNoBBB e criticaram os comentários dos “brothers”. “Infelizmente existem muitas pessoas tóxicas que nunca vão entender a causa da luta contra o racismo”, disse um. “Todo dia um caso de racismo no BBB e no Brasil que ninguém liga”, afirmou outro. 

A Globo informou que não foi notificada sobre a apuração. A emissora, no entanto, afirma em nota que "respeita a diversidade, a liberdade de expressão e repudia com veemência qualquer tipo de intolerância e preconceito, em todas as suas formas".

"Desta forma, é importante reiterar que qualquer manifestação pessoal, equivocada ou não, feita pelos participantes do programa, não reflete o posicionamento da emissora", completa a Globo. 

Essa não é a primeira polêmica dessa edição do BBB. O participante Vanderson foi desclassificado e deixou a casa, após ser intimado a prestar depoimento em inquérito instaurado, após receber denúncias por importunação sexual, estupro e violência doméstica.

PAREDÃO

O novo paredão do reality foi montado neste domingo (10), colocando Alan, Diego e Isabella na berlinda, disputando a preferência do público. O mais votado deixará o programa na terça-feira (12). 

Diego e Isabella foram indicados pelos líderes Danrley Elana, enquanto Alan foi escolhido pela casa, em uma disputa acirrada. Ele teve três votos, sendo que Maycon e Rodrigo tiveram dois cada.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem