A Fazenda 9

Em clima tenso, Rita, Yuri e Mateus formam a décima primeira roça da 'Fazenda'

Yuri Fernandes, Rita Cadillac e Matheus Lisboa formam a décima primeira roça "A Fazenda"
Yuri Fernandes, Rita Cadillac e Matheus Lisboa formam a décima primeira roça "A Fazenda" - Reprodução/Record TV


A décima primeira roça da "Fazenda 9" foi formanda entre trocas de farpas. Na noite desta segunda (27), Mateus Lisboa, Rita Cadillac e Yuri Fernandes foram os indicados para a eliminação, que deve ocorrer na próxima quinta (30).

O fazendeiro da semana, Marcos Härter, votou em Yuri para ir para a roça. Os dois participantes tiveram uma discussão esta semana e vem trocando farpas desde então.

"Yuri é amigo do poder, do fazendeiro, e também de quem volta da roça. Yuri agora vem colando na Flávia e quando eu disse que ele compactua ele não foi homem e tentou questionar minha sanidade mental. Nem pense em tocar um dedo em mim aqui dentro ou lá fora, tem muita justiça no mundo", disse Härter, justificando sua escolha.

Enquanto falava, Marcos voltou a criticar a postura de Flávia no reality, dizendo que ela estava fazendo um jogo muito falso para conquistar a simpatia do público —e que Yuri estava se aproximando por interesse. 

"Eu aceito o voto dele, só não aceito ele me envolver ou minha namorada, falando que a gente concorda com o que ele diz sobre a Flávia. Tudo que a gente já pensou sobre a Flávia já falamos para ela. Eu acho que ele está se exaltando, ele tem que ter um motivo, tem que difamar e eu vou aceitar isso", disse Yuri.

Rita Cadillac ganhou o envelope vermelho de Monick Camargo, que lhe garantiu imunidade ao voto do fazendeiro da semana. No entanto, a peoa foi indicada pelo voto dos participantes e não conseguiu fugir da roça.

O envelope prateado foi entregue por Camargo a Yuri, que ganhou o poder de indicar o terceiro roceiro da semana. Yuri escolheu Mateus Lisboa. O envelope dourado ficou com Monick, que optou por ganhar R$ 10 mil e anular seu voto. 

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem