Televisão

Dani Calabresa mostra bastidores de novo programa no canal GNT

Atriz mostrou o clima de sua nova produção em suas redes sociais

Dani Calabresa - Instagram/calabresadani
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A humorista Dani Calabresa, 39, começou 2021 com novidades em suas produções. A atriz compartilhou nesta segunda-feira (11), em seu Instagram, os bastidores das gravações de seu novo programa "Dani-se", a estreia está planejada para março, no canal GNT.

Ainda não existe nenhuma publicação oficial sobre o programa, mas nos vídeos, a atriz mostra partes do estúdio de gravação e exibiu uma sequência com os atores Pedroca Monteiro, 39, e George Sauma, 31, ambos separados por uma parede de acrílico. A nova produção vai contar com entrevistas, imitações, jogos e comédia stand-up.

O formato do "Dani-se" se assemelha bastante ao programa Lady Night, apresentado por Tatá Werneck, 37. A cada episódio, Dani Calabresa irá receber dois convidados, e sempre terá a companhia de Pedroca Monteiro –que integra o elenco do humorístico "Vai que Cola" (Multishow). A proposta é que os convidados não se levem tão a sério.

Em nota, o canal GNT, diz que o programa inédito é um convite "para libertar-se da chatice do dia a dia e refletir, através da conversa e do humor, sobre todos aqueles comportamentos que nos pressionam e aprisionam". Ressalta também que irá gerar uma reflexão leve, misturada com bom humor, piadas e improviso.

Em outro momento durante os vídeos, a humorista aparece com uma peruca loira e brinca "Deixa eu ver você nos anos 90! Oi, gente! Um Doctor Rey com Walter Mercado, e uma Farrah Fawcett da 25 de março", enquanto mostra Pedroca também de peruca e com um bigode postiço. As gravações acontecem nos estúdios da Globo e tem direção artística de Lilian Amarante.

Em 2020, a humorista denunciou o ex-diretor e ator Marcius Melhem, 48, por assédio moral e sexual cometidos contra ela. O caso foi exposto em primeira mão pela colunista Monica Bergamo, da Folha, na publicação de uma entrevista com a advogada Mayra Cotta, que saiu no dia 24 de outubro de 2020. Segundo testemunhas e colegas de Dani Calabresa, os abusos aconteceram em 2017.

As advogadas da atriz conversaram com o F5 sobre o caso, e também sobre o pedido de investigação que foi aberto contra Melhem no final do ano passado. O ex-diretor por sua vez, disse em entrevista ao Domingo Espetacular (Record) que os relatos são falsos e que pede desculpas apenas à sua ex-mulher, a quem traiu diversas vezes.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem