Televisão

Ticiane Pinheiro diz que Troca de Esposas trará histórias transformadoras com pitada de humor

Atração da Record coloca mães e pais famosos em casas de anônimos

Coletiva de imprensa da nova temporada do reality show Troca de Esposas, de Ticiane Pinheiro Francisco Cepeda/AgNews

São Paulo

Imagine a cena: um casal com sua rotina já determinada vive tranquilamente em sua casa. De repente, entram pela porta da casa câmeras, microfones e uma "nova esposa" que chega para cuidar dos filhos e para mudar as regras da família.

É mais ou menos essa a ideia do reality Troca de Esposas, que estreia a segunda temporada nesta quarta-feira (5) na Record, a partir das 22h30. Com episódios semanais sob o comando de Ticiane Pinheiro, 43, duas famílias trocam de lado para vivenciar conflitos e aprendizados. 

Serão 22 famílias, sendo metade delas composta por casais famosos, como a do radialista Fuzil, o cantor Rafael Ilha, a cantora Vanessa Jackson, a jogadora de vôlei Paula Pequeno, a atriz Debby Lagranha, o cantor Marlon da dupla com Maicon, o ex-jogador Túlio Maravilha, o humorista Eros Prado, a youtuber Kathy Castricini, Claudio Campos, o pai do ator Jean Paulo Campos, e a empresária Andréa Sorvetão. 

Para Ticiane, a segunda temporada está ainda melhor que a anterior. "A primeira era mais a expectativa para ver se daria certo. Agora está mais transformador, divertido e leve. E terá muita emoção. As pessoas vão se identificar e poderão ter novos aprendizados."

Das 11 trocas de famílias, quatro são entre os maridos. Para o diretor Rodrigo Carelli, isso vai acontecer para tirá-los da zona de conforto. "O cara é quem sai de casa. A rigor parece a mesma coisa, mas em geral fazemos isso quando percebemos que é o marido que é o ponto fraco ou o diferencial da família. Às vezes é ele que é o mais bagunceiro, por exemplo,"

Entre os homens que passarão pela experiência estão o cantor Rafael Ilha, Claudio, o pai do ator Jean Paulo Campos, o cantor Marlon e o humorista Eros Prado. Mas não são só os famosos ou as esposas que dão o tom do reality. Outros personagens coadjuvantes podem e vão aparecer para roubar a cena algumas vezes, como as avós, funcionárias da casa em questão e amigos da família.

Na dinâmica do jogo, ao trocar de família, a esposa (ou o marido) vive metade dos oito dias sob as regras da dona da casa. Na segunda metade, tudo muda, e a recém-chegada (ou recém-chegado) terá a oportunidade de trocar as regras e reorganizar o lar segundo suas próprias normas. "As pessoas devolveriam o cache só para agradecer o programa por ter mudado o marido", diz a apresentadora, em tom de brincadeira. 

Ticiane Pinheiro antecipa algumas coisas que o telespectador poderá conferir a partir desta quarta. "Tem um marido fisiculturista que você olha e pensa que é um cara que se acha, um fortão. Mas depois você entende a vida dele e vê que é uma criança, que tem coração puro."

E é justamente a troca que envolve esse fisiculturista anônimo que renderá muitas risadas, adianta Carelli. "Ele come as marmitas dele e treina. Só que precisa ficar três horas parado, literalmente sem se mexer, porque diz que isso faz bem aos músculos. A esposa que estiver na casa dele terá de lidar com isso."

PRIMEIRO PROGRAMA

O primeiro famoso a passar pela experiência de trocar de lado será o humorista e radialista Flávio Fuzil, 41. A mulher dele, a assistente de vendas Flaviane, 35, vai para a casa de uma família de nutricionistas e que é rígida quando o assunto é alimentação saudável.

Fuzil não costuma fazer nada dentro de casa, enquanto sua mulher, além de trabalhar fora, acumula sozinha todas as tarefas do lar. Flaviane não se considera vaidosa nem é adepta da malhação, situação oposta à da família com a qual começará a conviver. 

Do outro lado, a carioca Renata Branco é conhecida como a nutricionista de celebridades e de atletas. A cantora Jojo Todynho é uma de suas clientes e marcará presença durante o episódio. Muito regrada e casada com um endocrinologista, a rotina fitness faz parte do que eles acreditam.

No final de cada episódio, Ticiane Pinheiro vai comandar um debate entre as duas famílias participantes para saber o que mudou na mente de cada uma. É um momento em que todos olham o que aconteceu e revelam o que daquela experiência pode ser levado para a sua rotina familiar.

TICIANE NÃO TROCARIA DE CASA

Apresentadora do Troca de Esposas, Ticiane Pinheiro afirma que não teria coragem de assumir o desafio de deixar suas duas filhas em casa, Manuella, de seis meses, e Rafaella, de dez anos, para ir para a casa de outra família.

"Vendo as transformações pelas quais as famílias passam, eu acharia interessante vir outra pessoa com outro olhar arrumar minha casa, mas não sei se aguentaria ficar longe das meninas e do meu marido uma semana sem poder ver nem falar. Prefiro assistir”, comenta.

Casada com o jornalista da Globo César ​Tralli, Ticiane revela para a casa de qual famoso ela iria ou mandaria o maridão. "César eu mandaria para a casa da Jojo Todynho para ver se ele volta ouvindo funk”, diz a apresentadora (aos risos). "Em contrapartida, só não pode ir uma ‘tchutchuca’ lá para casa nem a pau”, completa.

Para ela é mais difícil definir para a casa de qual famoso ela adoraria ir. “Silvio Santos? Nem pensar”, diz, antes de definir que talvez fosse interessante conviver mais de perto com o ator Brad Pitt. “Brincadeira, ele nem tem mais família, tadinho."

Por causa do programa, Ticiane diz que começou a mudar algumas coisas na própria casa e com a sua família. "Fazer o reality me deu alguns cliques. No jantar em casa, hoje, temos uma caixinha para colocar os celulares para ninguém mexer enquanto come”, explica ela, que também revela ter mudado a percepção quanto a alimentação de Rafaella Justus, sua filha mais velha com Roberto Justus.

"Vejo no programa que filhas dos participantes comem muita porcaria. Comecei a implantar uma vida mais saudável com a Rafa", conclui.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem